O Sindicato dos Produtores Rurais de Patos de Minas realizou na tarde desta terça-feira (08) uma coletiva com a imprensa para anunciar a decisão sobre a realização ou não da Fenamilho 2022. O evento, que já foi dado como certo no ano passado, acabou sendo cancelado. Durante a coletiva, a Presidente do Sindicato Sindicato Rural, Jane Guimarães, informou que não vai haver a festa também neste ano. Ela informou que a decisão foi um consenso entre os diretores. O evento, um dos maiores do estado, aconteceu pela última vez em 2019, antes da pandemia.

De acordo com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Patos de Minas, a diretora do Sindicato dos Produtores Rurais de Patos de Minas, Jane Guimarães Campos, já protocolou ofício no Procon local, na tarde desta terça, comunicando o cancelamento da Festa Nacional do Milho 2020. A edição, não realizada à época em virtude da pandemia, ocorreria este ano. A entidade alegou falta de tempo hábil, diante da incerteza do cenário epidemiológico, para organizar e realizar a Fenamilho, com estimativa de custos em cerca de R$ 6 milhões.

Em nota divulgada pela assessoria, o Sindicato ressalta que a cidade ainda sofre com os efeitos pós-pandemia da Covid-19 e com os problemas causados pelas chuvas. “Não há clima de festa. O clima mundial também é de tensão. Os riscos são muitos, e o maior deles é a nossa vida”, disse. " Após ampla deliberação e análise, o Sindicato dos Produtores Rurais de Patos de Minas decidiu por ainda não realizar nossa festa maior. A Fenamilho 2022 não vai acontecer, apesar do nosso respeito e amor por ela e toda a sua tradição", destacou.


A entidade tratou também da forma de restituição dos valores pagos pela compra dos passaportes para aquela edição do evento. A presidente informou que a restituição aos adquirentes será integral, devendo eles requerer a devolução da quantia paga ou por geração de crédito (aquisição de novo passaporte para a próxima edição da festa).

O formulário para requerer a restituição ficará disponível no site www.fenamilho.com.br a partir de 9/3/2022, podendo o consumidor também preenchê-lo presencialmente no Procon (Avenida Getúlio Vargas, 245, das 12h às 17h30). A devolução terá início em 1/8/2022.


A proposta do sindicato é que os valores sejam atualizados pelos índices de correção da caderneta de poupança equivalente ao período de maio/2020 a maio deste ano. Essa proposição ainda está sendo avaliada pelo Procon.

Matéria em atualização