Um homem foi preso pela Polícia Militar na noite dessa segunda-feira (05) após fugir com uma garota de apenas 12 anos para a zona rural de Patos de Minas. Os dois marcaram encontro por um aplicativo de conversas. Ele teria levada a menina para uma fazenda na região de Sertãzinho onde teria ocorrido o abuso.


Foram os pais da menina que acionaram o Conselho Tutelar e a Polícia Militar. Eles chegaram em casa do trabalho nessa segunda-feira (05) e não encontraram a filha de 12 anos. Em conversar com familiares de uma prima, eles conseguiram contato com o irmão do suspeito que se comprometeu em entregar a criança para a família.

Os pais acionaram o Conselho Tutelar e foram para a frente do Unipam, local marcado para a entrega. No horário combinado, o irmão do suspeito chegou com a vítima e a entregou a sua genitora. Ele foi embora antes da chegada da Polícia Militar, sem informar o local em que o suspeito estaria.

A menina contou que estava conversando com o suspeito por meio do WhatsApp há cerca de três semanas. Ela confessou que chegou a enviar fotos de seu corpo e de suas partes íntimas. Durante as conversas, o homem de 27 anos conseguiu convencer a menina a sair de casa e ir morar com ele. Os dois marcaram de se encontrar na manhã desta segunda-feira (05), na casa da menina em Lagoa Grande, aproveitando que os pais estariam trabalhando.

A menina disse que ao encontrar o suspeito, percebeu que ele era bem mais velho do que se apresentava e pensou em desistir, mas acabou cedendo. A garota contou que, ao chegarem na fazenda, a mãe do rapaz o repreendeu de imediato ao perceber que se tratava de uma criança. Segundo ela, mesmo assim, o homem a levou para o quarto.

A menina afirmou que o rapaz tentou beijá-la e que recusou, esquivando-se.  Nesse instante, o homem a levou para a cama, segurando-lhe pelo pescoço e passou a beijar seus seios. Menina disse que começou a gritar, mas que o homem tapou sua boca com a mão e depois usou um travesseiro para abafar os gritos. Segundo a garota, ele então tirou sua roupa e consumou a relação sexual.

Depois de praticar sexo com a menina, ao perceber que ela queria ir embora, o homem obrigou que as mensagens fossem apagadas. Assim, a garota foi trazida para Patos de Minas. Ela não soube informar o local da fazenda, mas os policiais conseguiram descobrir que ficava na localidade de Sertãozinho.

O rapaz de 27 anos foi encontrado dormindo. Ele foi preso em flagrante e levado para Delegacia da Polícia Civil de Patos de Minas. A menina apresentava hematomas no pescoço e no colo e arranhões nos pulsos e foi levada para o Hospital Regional Antônio Dias.