Garota escreve carta relatando que foi abusada diversas vezes por familiar de 50 anos

Ele negou todas as acusações

publicado em 04/05/2020, por Farley Rocha


A ocorrência foi repassada para a Polícia Civil que tomará as demais providências

A mãe de uma garota de 12 anos procurou a Polícia Militar nesta segunda-feira (04) em Patos de Minas após receber uma carta escrita pela filha. A menina relatou que sofreu diversos abusos por parte de um primo de 50 anos. Ele negou todas as acusações. O Conselho Tutelar foi acionado e, junto com a Polícia Civil, tomará as demais providências.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

De acordo com informações da Polícia Militar, a mãe da garota procurou a Base da Polícia Militar e relatou que há cerca de um mês tomou conhecimento através de uma carta, escrita pela sua filha, que em datas passadas, ela teria sido vítima de abuso sexual. A carta foi apresentada aos policiais e o Conselho Tutelar acionado para acompanhar a ocorrência.

Juntamente com a Conselheira e a mãe da adolescente, os policiais foram até a casa dela, onde conversaram com a garota. Ela relatou que, no natal de 2019, teria ido para a casa dos primos, proprietários de uma padaria, sendo que a prima teria lhe pedido para ajudar o acusado na cozinha do comércio.

No entanto, no local, ele teria passado a mão no corpo dela e tentado beijá-la, momento em que ela falou para ele parar senão iria gritar. Ainda de acordo com a menor, sempre que ela iria para a casa dele, brincar com as primas, ele tentava abusar dela. E por diversas vezes ele teria passado as mãos no corpo e nas partes íntimas dela.

Ela contou ainda que ele a fez tocar no órgão genital dele, tendo, em uma dessas vezes, "saído uma coisa branca". Ela também relatou que na última vez que dormiu na casa do acusado, no início do mês de março, acordou com ele, sem roupas, em cima dela. Então, ela disse que iria gritar e ele saiu do quarto.

Segundo a garota, estava com receio/vergonha de contar para a mãe, por isso escreveu a carta relatando o ocorrido e entregou para a sua amiga e prima, que achou melhor entregar para a mãe dela. A adolescente ainda relatou que resolveu contar para a amiga porque estava com medo que ele fizesse com a irmã dela e com as filhas dele, todas menores de idade, o mesmo que fez com ela.

A mãe da adolescente informou que não acionou a Polícia Militar anteriormente porque temia pela saúde da tia dela, mãe do acusado. A carta ficou com a conselheira tutelar que dará continuidade às providências.

Os policiais foram até a residência do acusado e, quando questionado sobre as acusações, ele negou ter participado de todos os fatos narrados e ainda relatou que na cidade de Janaúba/MG já ouviu histórias semelhantes sobre a menor. A ocorrência foi registrada e repassada para a autoridade policial que tomará as demais providências.

Autor: Farley Rocha Postado em 04/05/2020
Compartilhe:

37 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Gato Selvagem 2 meses atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Cumedo de queijo 2 meses atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Rosa | 2 meses atrás

    manda esse VERME para o presídio :rage:

    16 2 Responder

  • Lourenco 59 2 meses atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Brás | 2 meses atrás

    Apenas uma dica; PI e mãe nunca deve deixar seus filhos ir dormir fora, é nestas horas que estes pedofilo se aproveitam, uma criança jamais inventaria uma história dessas, cadeia neste vagabundo.

    31 2 Responder

  • Motorista do Volvo 540 | 2 meses atrás

    Me animo com certos comentários imbecis. Quem acredita que uma criança de 12 anos sabe tudo sobre sexo porque tem posse de um celular é, no minimo, abusador contumaz. Quem defende alguém que abusa de uma criança é porque também sente desejo em praticar atos dessa natureza. Taradisse é crime. É na cadeia nem os presos toleram...

    43 5 Responder

  • Cumedo de queijo 2 meses atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

    Topa Urt - 2 meses atrás

    celular hj em dia precisa nem de professor tem se tudo

    13 31

    mãe - 2 meses atrás

    se fosse sua filha você diria isso. ou é você o molestador ou também é um? lá no satirão de ensinam a molestar sem celular

    19 4

    aa - 2 meses atrás

    Seria uma pena se alguém te estuprasse e você denunciasse e ninguém acreditasse em você

    11 4

  • Deia | 2 meses atrás

    MOSTRA A CARA DESSE INDIVIDUO.

    24 5 Responder

    Um pai - 2 meses atrás

    Será que pode aqui?

    0 0

  • Enoicla . | 2 meses atrás

    Bom dia, só acho que cada um deveria cuidar da sua vida, pq se for pra ter um comentário que vc vai lá e fala, mas não ficar descriminando a adolescente... E outra vc confundi umas crianção de uma criança com outras, presta atenção no que vcs fala. E outra quem tem filhos se coloca no lugar da mãe, e que não tem se coloca no lugar da criança.... A vai caça o que fazer essas pessoas. E o cara tem que ir pra cadeia. Mas eu acho que nesse caso a justiça tinha que dá pena de morte.... Pronto falei...

    26 18 Responder

    Kiko - 2 meses atrás

    Alcione, eu acho que tudo deverá ser avaliado, a justiça tem que ver o lado da criança e o lado do acusado. Não sei se vocês se lembram recente agora um homem foi acusado de estupro, todos apontaram o dedo acusando ele, pois bem, a polícia não foi lá e descobriu que era tudo uma mentira, que a mulher queria era se vingar do homem porque ele não queria nada com ela? Não conheço nenhuma das partes, mais quem estiver errado que pague pelo que fez.

    19 5

  • Issu | 2 meses atrás

    Crime inafiançável. O meliante responde o processo preso e vai pegar, no mínimo, uns 50 anos de cadeia. Não adianta outros bandidos defendê-lo. :back: :back: :back:

    25 14 Responder

    Real - 2 meses atrás

    Não defendo nenhum bandido,mas não existe coisa pior que pagar por alguma coisa que não fez, se fez tem que pagar menso ,agora se não fez vc que é o bandido acusar sem provas

    12 7

carregar mais comentários