Com promessa de pagamento, jovens tentam matar fazendeiro, erram o alvo e acabam presos

Os criminosos seriam pagos para tirar a vida de um fazendeiro, mas acabaram errando o caminho e acertaram outro produtor rural que revidou e conseguiu escapar da morte.

publicado em 22/05/2020, por Farley Rocha


Imagem: Arquuivo Patos Hoje. 

A Polícia Militar prendeu nessa quinta-feira (21) três jovens que teriam participado de uma tentativa de homicídio em Serra do Salitre. Os criminosos seriam pagos para tirar a vida de um fazendeiro, mas acabaram errando o caminho e acertaram outro produtor rural que revidou e conseguiu escapar da morte. Os presos confessaram que receberiam R$5 mil cada, mas não quiseram informar quem teria sido o mandante. O estado da vítima é muito grave. 

De acordo com informações da Ascom do 46º BPM, por volta de 06h00, a Polícia Militar foi acionada pela sala de operações da 224ª Cia PM, de Ibiá/MG, a qual  comunicou que uma vítima teria sido alvejada no braço ao reagir a uma possível tentativa de assalto na Fazenda Cachoeira, município de Serra do Salitre. Minutos depois, a sala de operações do 46º BPM de Patrocínio/MG recebeu e repassou aos militares de Serra do Salitre a informação de que o veículo Ford/Focus, placa HEE-4997, estava parado na rodovia, próximo ao trevo de acesso a Serra do Salitre/MG com o pneu estourado e a lataria com várias perfurações de disparo de arma de fogo.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

Diante das informações, a guarnição de Serra do Salitre deslocou até a referida propriedade rural e as equipes policiais de Patrocínio/MG montaram dispositivo de cerco e bloqueio nas rodovias de acesso à cidade, onde os militares confirmaram se tratar de uma tentativa de homicídio. Após contato com os familiares da vítima, o qual já se encontrava hospitalizado na cidade de Ibiá/MG, segundo relato das testemunhas, por volta de 06h00, chegaram à sede da fazenda quatro indivíduos, entre eles uma mulher.

Os criminosos conduziam um veículo sedan na cor prata e que, tais indivíduos, ao visualizarem a vítima, efetuaram vários disparos de arma de fogo em sua direção, atingindo-o no braço esquerdo, logo, para se defender da ameaça, a vítima adentrou rapidamente no imóvel e apanhou uma espingarda calibre 12 de sua propriedade e revidou os disparos, oportunidade em que os autores embarcaram no veículo e evadiram em alta velocidade, nada foi levado da propriedade e em nenhum momento os autores anunciaram o assalto.

Durante as diligências, o automóvel ocupado pelos meliantes passou pelas viaturas que estavam posicionadas na MG 230 em Patrocínio/MG e evadiu em alta velocidade sentido ao bairro Serra Negra. O veículo Ford Focus foi abandonado próximo a uma linha de café. Durante o trabalho, um veículo de transporte por aplicativo foi abordado sendo que os dois passageiros, um jovem de 22 anos e outro de 19 anos acabaram presos.

Segundo a Polícia Militar, ambos participaram do crime na fazenda. As guarnições fizeram o cerco do local, sendo que em rastreamentos foi localizado o jovem de 23 anos, o qual relatou que dispensou a arma, tipo garrucha de dois canos na vegetação existente no local, armamento este que não foi localizado.  Outro jovem de 23 anos e sua namorada, que também estiveram na fazenda, não foram localizados.

Segundo relatos dos presos para os policiais, eles receberiam o valor de R$ 5.000,00 cada um para “matar” um proprietário de fazenda no município de Serra de Salitre, não repassando mais detalhes do contratante. Eles contaram ainda que, no entanto, erraram a fazenda e não chegaram a encontrar o alvo da ação delituosa. O veículo bem como os materiais foram apreendidos, os jovens conduzidos presos até a delegacia de Polícia Civil. O estado de saúde da vítima, é grave, o disparo transfixou seu braço esquerdo, vindo a atingir o pulmão, ocasionando um pneumotórax.

Autor: Farley Rocha Postado em 22/05/2020
Compartilhe:

9 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Correto | 1 semana, 1 dia atrás

    TD pé de pato safado tem q ir pra bala ??????

    2 1 Responder

  • Paulista | 1 semana, 1 dia atrás

    Se sobreviver é bem capaz do fazendeiro ter mais problema com a justiça do que esses substratos

    14 1 Responder

  • Luiz | 1 semana, 2 dias atrás

    Na minha região uns... desse tava fudido ao sair ou não da cadeia.

    15 1 Responder

  • Juca jifura | 1 semana, 2 dias atrás

    Falta de ... neste ... que vai entregrar o serviço logo. Ai chega na audiencia de custodia e vai solto.

    13 1 Responder

  • Rolls | 1 semana, 2 dias atrás

    Tão falando que errou só rápido diminuir a pena... comida de preso tinha que ser estraquinino

    23 2 Responder

  • Raphael | 1 semana, 2 dias atrás

    E como que eles foram descobrir que errou o alvo só depois? LADRÃO BURRO É LADRÃO ATRÁS DAS GRADES! CAMBADA!

    29 1 Responder

  • Sabichão | 1 semana, 2 dias atrás

    É bem capaz da polícia ir lá e apreender a arma do fazendeiro, pois as leis protegem mais os bandidos que o cidadão de bem.

    73 7 Responder

    Juca - 1 semana, 2 dias atrás

    Se ele nao tiver o registro vai ser autuado, por porte de arma. Se ele tivesse matado um vagabundo desse seria absolvido pelo crime. A lei e feita para todos. E igual vc estacionar na contra mao e vem um loco e bate no seu carro e morre. Vc vai ser autuado por estacionar o veiculo e nao pelo crime.

    22 3

    Patureba penssador - 1 semana, 2 dias atrás

    Enquanto lia a reportagem, antes de ver os comentários pensei a mesma coisa, amanhã esses jovens como é chamado pela sociedade estão solto, e a vitima sem o seu pau de fogo, e ainda talvez gastando com advogados pa ser preso!!

    32 1