Self-service continua proibido em Patos de Minas e restaurantes podem ser multados

Refeições devem ser servidas por funcionário do próprio estabelecimento e entregues ao consumidor de forma individual.

publicado em 21/09/2020, por Farley Rocha


Imagem Ilustrativa.

O comportamento preventivo diante do novo coronavírus precisa ser adotado por todos, dentro e fora de casa. E, para isso, uma série de orientações sanitárias norteiam atividades tradicionais, como, por exemplo, a oferta de alimentos no modelo self-service. Protocolos elaborados tanto pelo Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19 quanto pelo Governo estadual, dentro do Minas Consciente, determinam que os estabelecimentos disponibilizem funcionário para servir a comida e entregá-la ao cliente de forma individual.

Apesar dessa recomendação, restaurantes em Patos de Minas estão oferecendo luvas descartáveis ao consumidor para que ele próprio sirva a refeição. Essa é uma conduta sugerida pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), entretanto ela não está permitida no município. Conforme a Vigilância Sanitária, a prática está em desacordo inclusive com o Decreto Municipal 4.835, de maio de 2020, cujo artigo 2º, alínea I, permite somente à la carte, prato feito e prato executivo, ficando proibida qualquer forma de autosserviço. Além de restaurantes, a determinação abrange bares, padarias, lanchonetes e similares.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

Outras medidas sanitárias específicas para o segmento alimentício estão previstas nos protocolos. Os proprietários devem, por exemplo, lavar espátulas, pegadores, conchas e similares com água e sabão, a cada 30 minutos, higienizando-os completamente, inclusive os cabos. É necessário atentar-se também para o uso obrigatório de toucas pelos funcionários ligados a atividades que envolvam a preparação e entrega de alimentos. 

Caso a norma não seja cumprida, o estabelecimento pode ser notificado e multado. As denúncias podem ser feitas pelo telefone 3822-9115 (8h às 18h). Após as 18h, o mesmo número funciona como WhatsApp.
Fonte: Ascom da Prefeitura Municipal de Patos de Minas

Autor: Farley Rocha Postado em 21/09/2020
Compartilhe:

16 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes, fake news ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve-se ter ciência de que poderá ser responsabilizado cível ou criminalmente!

Os comentários que receberem 100 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Ausente | 1 mês atrás

    Interrompemos nossa programação da "pandemia" para as eleições.

    1 0 Responder

  • anti alienado | 1 mês atrás

    A pessoa que denunciar algum estabelecimento por isso é um canalha! Acorda brasil, Acorda!!!!

    12 4 Responder

    APP - 1 mês atrás

    Canalha é que não ajuda a conter essa pandemia, gado!

    8 6

  • Lagoense | 1 mês atrás

    Em Lagoa Formosa não tem nenhum restaurante seguindo as normas, pessoal mesmo se servem, conversam em cima das panelas, pegam nos mesmos talheres. Mas a falta de respeito é geral, comerciantes viajando de turma e trazendo na bagagem o coronavírus. Profissionais da saúde inclusos nessa turma e também adoram uma festa aglomerada. Povo lagoense parece que nunca ouviram falar na Covid-19. Resultado: hoje tem se mais contaminados por 100 mil habitantes do que Patos de Minas e o pior que sem nem um leito de UTI, depende de Patos 100%

    4 8 Responder

  • Majucoutinho | 1 mês atrás

    Boteco não pega covid, mas restaurante é o principal local de contágio!

    11 7 Responder

  • O IDEÓLOGO | 1 mês atrás

    O problema do Brazil é este. Quem deveria tomar as decisões,não toma. Quem toma ,toma errado por nao twr expertise. Ou libera geral fecha geral. Restaurante fechados,buteco abertos. A pandemia chegou e aqui vai ficar. Vamos ter que apremder a viver com ela. Ficar escondido em casa nao vai resolver nada. Tem que liberar e fazer campanhas de conscientização.



    12 1 Responder

  • Mão Branca | 1 mês atrás

    O zuiúdo tá lá no meio.

    4 1 Responder

  • Observadora | 1 mês atrás

    Tenho pavor de chegar em um estabelecimento e o próprio atendente ou funcionários estão sem máscara. O mínimo de cuidado é a máscara e higiene.

    4 4 Responder

  • GRR | 1 mês atrás

    Um verdadeiro absurdo não podermos servir uma prato de comida,enquanto isso o Bar da Glória e outros bares estão mil maravilha com suas capacidades totais lotados. É só no Brasil mesmo.

    26 2 Responder

  • FV | 1 mês atrás

    Deixa o povo TRABALHAR em paz! Quem ganha com esta lacração? Pode ir para o clube mas não pode abrir seu pequeno restaurante? Pode aglomerar no mercado ou no banco ou na lotérica, mas não pode abrir seu pequeno restaurante?

    9 5 Responder

  • Mery | 1 mês atrás

    Tantas coisas quê precisava ser feita....mas não....

    5 0 Responder

  • Lua | 1 mês atrás

    Vai no pesc pág são Gabriel .tá lotando todo final de semana as chácaras tudo alugada uma verdadeira zona

    6 0 Responder

  • Observadora | 1 mês atrás

    Tenho pavor de chegar em um estabelecimento e o próprio atendente ou funcionários estão sem máscara. O mínimo de cuidado é a máscara e higiene.

    1 3 Responder

  • Fraterno | 1 mês atrás

    Ridículo! Qual a diferença entre um funcionário de luva e máscara servir e o próprio cliente de luva e máscara servir??? Os restaurantes self-service ficaram 5 meses fechado, só com delivery e ainda fazem de tudo pra dificultar a vida do empregador!

    14 1 Responder

    Igh - 1 mês atrás

    O problema do contágio está em vc pegar os talheres para servir.Js imaginou 20 pessoas na fila para servir todos pegando no mesmo talher por isso o funcionário serve menos contato.

    2 6

    Fraterno - 1 mês atrás

    Não entendi seu comentário.Pode ter 5, 10, 50 servindo. Se todos estiverem de luva e máscara não muda nada... se fosse sem luva, aí sim teria problema, mas a luva é descartável.

    5 0

carregar mais comentários