Microrregião de Patos de Minas aumenta grau de risco para Covid-19 em dois pontos

Houve aumento acentuado no indicador que reflete a velocidade instantânea de propagação do vírus e possibilita estimar a taxa de crescimento do número de casos da doença.

publicado em 01/10/2020, por Farley Rocha


Imagem: Arquivo Patos Hoje

Apesar de manter-se na onda amarela do Minas Consciente por mais uma semana (3 a 9 de outubro), a microrregião de Patos de Minas chegou ao grau de risco 14, pontuação limite para não regredir na classificação. Nas duas avaliações anteriores à divulgada ontem pelo Governo estadual, as notas foram respectivamente 12 e 11, ou seja, o grau de risco vem aumentando há duas análises seguidas. Os números confirmam o que já vem sendo alertado pelo Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19: o relaxamento nos cuidados preventivos contra a doença, tanto local quanto regionalmente, estão impactando negativamente os dados epidemiológicos. 

De acordo com a planilha de indicadores do plano, a Taxa de Incidência da doença na microrregião saltou de 94 (médio risco) para 138 (alto risco). Houve aumento acentuado também na Variação da Taxa de Incidência, que reflete a velocidade instantânea de propagação do vírus e possibilita estimar a taxa de crescimento do número de casos de Covid-19: de 5% para 66%, também variando de médio para alto risco. A Variação da Positividade Atual, índice que mede a presença do vírus em uma população comparada a outras causas de Síndrome Respiratória Aguda Grave, teve leve queda (30% para 28%), mas ainda tem peso negativo na classificação final. 

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

Mantiveram-se praticamente estáveis os dois indicadores que avaliam a capacidade de atendimento, com análise da variação na ocupação de leitos de UTI adulto (58% para 60%, médio risco) e número de leitos de UTI adulto disponíveis para população dependente do SUS (10,9 para 10,4, baixo risco). 

Avaliação mensal – Conforme o painel de monitoramento da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), o número de casos confirmados em Patos de Minas em setembro foram: 105, entre os dias 1º e 5; 102, entre os dias 9 e 13; 128, entre os dias 15 e 19; 126, entre os dias 22 e 26. Nesta semana, são, até agora, 106 positivos.

“Vale lembrar que alguns indicadores analisados pelo Minas Consciente consideram a relação de dados da última semana sobre dados da antepenúltima semana à data da reunião do Comitê Extraordinário Covid-19. Assim, o aumento mais recente de casos ainda não está todo refletido no grau de risco divulgado nessa quarta-feira. É muito provável que o impacto maior virá na semana que vem”, explica o coordenador do Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19, Célio Adriano Lopes.

-As planilhas podem ser consultadas aqui (menu “Indicadores do Minas Consciente”).

Fonte: Ascom Prefeitura Municipal de Patos de Minas

Autor: Farley Rocha Postado em 01/10/2020
Compartilhe:

12 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes, fake news ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve-se ter ciência de que poderá ser responsabilizado cível ou criminalmente!

Os comentários que receberem 100 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Fala sério | 2 semanas, 6 dias atrás

    Eu sei que todos precisam do ganha pão, mas já que o povo não tem disciplina em levar a coisa a sério, fecha TUDO e MULTA em quem está sem máscaras.

    24 6 Responder

  • PATOS ONDA VERMELHA JÁ | 2 semanas, 6 dias atrás

    PATOS tem que ser onda vermelha

    13 12 Responder

  • Pau doce | 3 semanas atrás

    Fecha às porra dos buteco

    29 11 Responder

  • Pandemia? | 3 semanas atrás

    Chegamos a 7 meses de PANDEMIA e vamos aos números 2401 casos para 153000 habitantes 1.56% da população. 58 óbitos 0.03% da população isso em 7 meses. O povo tudo na rua, festas, futebol, vida que segue e chegamos a esses dados. Cada um tire eu conclusão se a preocupação e covid, 7 meses sem as pessoas fazerem seus exames , tratamentos parados, cirurgias não realizadas, doenças se agravando, pessoas sedentarias traçadas em casa, saúde mental totalmente comprometida. Sempre falei o pós PANDEMIA vai ser muito mais triste pra muitos.

    30 7 Responder

    Cida - 3 semanas atrás

    Quando será pós pandemia sem vacina? Não existe ainda nenhuma possibilidade de falarmos em pós pandemia. A doença está vírus continua circulando feliz da vida .

    8 7

    Lala - 3 semanas atrás

    Passou da hora desse povo aceitar e acostumar que esse vírus chegou e não vai embora. Aceita a nova realidade a acostuma e se adapta logo. Já cansou esse enxugar de gelo

    10 10

  • Urgente | 3 semanas atrás

    Se não fechar tudo de novo na semana que vem, os números vão explodir. Infelizmente teremos que fazer isso agora para garantir uma queda nos casos. Estão maquiando os numeros, já tem politicagem na causa, que não .misture doença com política, eta povo insano. Notaram que de uns dias para cá não estão subindo os números pararam de subir? Tudo por causa das eleições. Raça de políticos. Poder, dinheiro, e falta de vergonha na cara é o que manda em tudo. Agora está tudo normal para eles



    16 1 Responder

  • Urgente | 3 semanas atrás

    Se não fechar tudo de novo na semana que vem, os números vão explodir. Infelizmente teremos que fazer isso agora para garantir uma queda nos casos. Estão maquiando os numeros, já tem politicagem na causa, que não .misture doença com política, eta povo insano. Notaram que de uns dias para cá não estão subindo os números pararam de subir? Tudo por causa das eleições. Raça de políticos. Poder, dinheiro, e falta de vergonha na cara é o que manda em tudo. Agora está tudo normal para eles

    17 17 Responder

  • Ana Cristina.P | 3 semanas atrás

    Voto x Vida, pão e circo para o povo até passar as eleições, acorda cidadão!

    13 6 Responder

  • Paulo | 3 semanas atrás

    O certo é retornar a Onda Vermelha, o povo é que nem burro, alguns só aprendem apanhando.

    51 20 Responder

    A verdade é essa! - 3 semanas atrás

    Não adianta revolta lojistas, donos de bares, academias, cachaceiros, bombados, os Zé droguinhas e os que gostam de passear de loja em loja! A doença está aí, os números de contaminados diários são iguais a de meses atrás, em alguns dias são menores nas pela demora do resultado dos exames, nada mudou. Não adianta ficar tentando lutar com a realidade, Patos de Minas tem que cumprir uns 2 meses na zona vermelha com fiscalização rígida, pra conseguir frear esse vírus!

    25 12

    Lala - 3 semanas atrás

    Chega de enxugar gelo. O vírus não vai embora. Se adaptem logo a essa nova realidade. Chega de lereia

    7 9