Homem é preso por embriaguez ao tentar invadir casa da ex mesmo sendo proibido de se aproximar

O acusado foi flagrado tentando arrombar o portão da casa da ex, mesmo sendo proibido de se aproximar das crianças e da ex-esposa.

publicado em 05/12/2019, por Farley Rocha


Ele foi encaminhado para a delegacia.

A Polícia Militar levou para a delegacia em Patos de Minas na tarde desta quinta-feira (05) um homem de 38 anos acusado de embriaguez, ameaça e de desobedecer determinação judicial. O acusado foi flagrado tentando arrombar o portão da casa da ex, mesmo sendo proibido de se aproximar das crianças e da ex-esposa.

O fato foi registrado na Rua Pontaporã, Bairro Santa Luzia. De acordo com o Sargento Faria, o acusado apresentava fortes sinais de embriaguez e tentou arrombar o portão da casa onde estavam as filhas menores. Elas não quiseram permitir a entrada, já que existe determinação judicial para que ele não se aproxime e ele acabou preferindo ameaças. 

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
TeraByte - Especial Notícias

A avó então acionou a Polícia Militar que conseguiu abordá-lo em um veículo logo após deixar o local. Bastante exaltado, ele foi levado para a delegacia e, ao ser questionado se sopraria o etilômetro, ele se recusou. O policial destacou que o acusado está separado da ex há cerca de 3 anos e quando consome bebida alcoólica acaba ficando agressivo.

O policial informou que ele não pode se aproximar a menos de 100 metros da esposa e das filhas. O policial o orientou a respeitar a decisão da justiça para que evite um mal maior.

Imagens atualizado em 05/12/2019 • 2 fotos

Autor: Farley Rocha Postado em 05/12/2019
Compartilhe:

6 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Maria | 1 mês, 2 semanas atrás

    Nesse país não há leis...esse cara é louco, precisa de um corretivo. E acho que não vai demorar pra achar. Eu conheço ele há muito tempo. Sempre foi assim. Nunca respeitou nada e nem ninguém qdo bebi. Acha que é o dono da verdade...mais ele ta procurando e não demora o que é dele Ta guardado. Vai vendo.

    3 0 Responder

  • Eu | 1 mês, 2 semanas atrás

    "Descumprir decisão judicial que defere medidas protetivas de urgência previstas nesta Lei: Pena – detenção, de 3 (três) meses a 2 (dois) anos. §1º A configuração do crime independe da competência civil ou criminal do juiz que deferiu as medidas." Não entendo porque o "cidadão" não ficou preso... Já está solto pronto pra voltar a atormentar... Inferno de país é esse....

    12 0 Responder

  • Amiga | 1 mês, 2 semanas atrás

    Se fosse comigo teria abrido fogo no rabo desse camarada. Nao ia dar em nada pois a mulher tem a medida protetiva

    7 4 Responder

    Injuriado - 1 mês, 2 semanas atrás

    Não é bem assim não às medidas protetivas não ajuda em nada pras mulheres ficar bem sossegadas é só se for na bala mesmo o FDP aproximou mete bala é a única medida protetiva que existe

    6 0

  • Justiceiro | 1 mês, 2 semanas atrás

    Quer dizer que a ordem judicial de nao se aproximar da ex e das filhas nao tem valor? Se o embuste bebe e atenta , profere ameaças deveria ser preso.Leis de bosta .

    11 1 Responder

    Injuriado - 1 mês, 2 semanas atrás

    Todos os dias se vê mulheres com medida protetiva sendo morta por vagabundo se o desgraçado não consegui fazer uma mulher feliz vai pro meio dos inferno e deixa que outro faça

    12 0