Conselho Estadual quer expansão do Regional, construção do Hospital Municipal e várias outras medidas

A intenção foi analisar a situação da saúde pública na Região do Alto Paranaíba e Noroeste Mineiro.

publicado em 11/09/2019, por Farley Rocha


A reunião aconteceu na manhã desta quarta-feira.

A Mesa Diretora do Conselho Estadual de Saúde de Minas Gerais se reuniu na manhã desta quarta-feira (11) com técnicos da Secretaria Estadual de Saúde e também com representantes da região Noroeste (gestores, técnicos e conselheiros municipais). A intenção foi analisar a situação da saúde pública na Região do Alto Paranaíba e Noroeste Mineiro.

De acordo com o Conselheiro Pedro Cunha, depois de explanado pelos conselheiros estaduais o motivo da convocação e o objetivo da reunião, todos os presentes, fizeram um diagnóstico da real situação da região no que tange o atendimento na saúde.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Rota Pop

Logo após eles propuseram os encaminhamentos e as atribuições de cada entidade e órgãos presentes, para que todas as decisões sejam contempladas no Plano Estadual de Saúde 2020 a 2023, e nos Instrumentos de Gestão.

De acordo com o documento, ficaram aprovadas a implantação do SAMU Regional, expansão do Hospital Regional Antônio Dias, possibilidade de o Hospital Vera Cruz voltar a atender os pacientes da hemodinâmica, a construção do Hospital Municipal de Patos de Minas e a confecção de um plano integrado Regional de Saúde da região Noroeste.

Veja todos os pontos aprovados:

• Aprovação e publicação do Plano de Ação Regional - PAR (está no Ministério da Saúde) responsável em cobrar Secretaria Estadual de Saúde e Conselho Estadual de Saúde.

• Traumatologia – Hospital Regional Antônio Dias-HRAD- faz todo o procedimento e o Ministério da Saúde não remunera, pois não está credenciado. Resp. SES e o Secretário Estadual de Saúde em cobrar do Ministério da Saúde.

• SAMU Regional - Paulo César e Camila, CISREUNO, mandarem ofício para o Secretário de Estado da Saúde pedindo sinalização no sentido de que há possibilidades de implantação do SAMU Regional.

• Expansão do HRAD. Direção da FHEMIG e da unidade traçará o perfil e as fragilidades.

• Conversa com o Hospital Vera Cruz de Patos de Minas, sobre a possível volta de atendimento na Hemodinâmica. Denise SMS e Noemi SRS.

• Faculdade Atenas de Paracatu, credenciamento e habilitação do Hospital Escola, Claudia Ermínia, da SES entrará em contato com a direção do Hospital.

• Hospital Municipal de Patos de Minas, secretário   de saúde fará o contato político com o prefeito José Eustáquio.

• Plano Integrado Regional da Saúde, da região Noroeste. O Secretário estipulou um prazo até 12 de novembro de 2019 para que os técnicos da SRS de Patos e GRS de Unaí justifiquem com dados epidemiológicos a necessidade de implantações de serviços de saúde na região.

Imagens atualizado em 11/09/2019 • 3 fotos

Autor: Farley Rocha Postado em 11/09/2019
Compartilhe:

25 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • D,OLHO | 2 meses atrás

    Interessante eles reúnem,eles debatem e eles aprovam . Aprovaram o que ? Isso é lobe com interesse .... ? Depois me veremos.

    0 0 Responder

  • Cebolinha 2 - A revanche | 2 meses atrás

    Tinha que construir em Paracatu um hospital regional da FHEMIG e um hemocentro da Hemominas para atenderem população do Noroeste e assim desafogar o Hospital Regional Antônio Dias e o hemocentro Hemominas de Patos de Minas que se voltaria para Alto Paranaíba e demais cidades do Noroeste de Minas que ficam próximas.

    1 1 Responder

  • Ana | 2 meses atrás

    Ja tinha que ter um hospital municipal a muito tempo nessa cidade. Olha a quantidade de municípios que mandam pacientes pra cá todos os dias, tanto pra Upa quanto pro Regional. Eu mesma ja esperei horas no hospital regional passando mal vendo passarem gente que chegava de outras cidades passando na minha frente. O hospital municipal é prioridade e eu acho que resolveria muitos problemas. A saúde em Patos é precaria, temos poucos hospitais, até hospital particular tem pouco, visto o tamanho da demanda (ja que atende um raio de cidades muito grande)

    3 0 Responder

  • Cristina | 2 meses atrás

    Hospital municipal em Patos de minas? passou da hora, regional atende somente pessoas da região, os moradores de Patos de minas ficam até meses na upa esperando uma vaga no regional pra fazer uma cirurgia, Patos é uma vergonha em questão de hospital para a população da cidade.

    5 4 Responder

  • Lingua afiada | 2 meses atrás

    Concerteza Sao lucas melhorou demais... ???????????????? A galera esta sem salario ate hoje 12/09 e nem sabe se vai receber, nao tem dinheiro....

    3 0 Responder

  • russonow | 2 meses atrás

    Jura que ira acontecer são meras especulações para próxima eleições 2020 acordem !!

    5 5 Responder

  • Clarissa | 2 meses atrás

    Esse CISREUNO e SAMU regional é cabide de emprego politico hein Estamos de olho.

    7 2 Responder

  • O hospital está pronto | 2 meses atrás

    Junta os alunos das escolas Zama Maciel e Marcolino de Barros e faz uma escola só, já que a quantidade de alunos reduziu muito nos últimos anos. Municipaliza o predio Zama Maciel e faz um hospital dele.

    5 6 Responder

  • Carlos | 2 meses atrás

    SÓ BLÁ...BLÁ

    5 0 Responder

  • Frouxo | 2 meses atrás

    O cabeção de camisa branca, à direita na foto, estava bastante interessado na reunião, deve ter entendido tudo no WhatsApp.

    2 0 Responder

carregar mais comentários