Prefeito não comparece a reunião e não é discutida situação da Copasa em Patos de Minas

A pauta disponibilizada para a imprensa constava o nome do Prefeito José Eustáquio Rodrigues Alves.

publicado em 20/09/2018, por Maurício Fernandes

O Patos Hoje divulgou nessa quarta-feira (19) que o Prefeito José Eustáquio compareceria à Câmara Municipal para falar sobre a situação da Copasa em Patos de Minas. No entanto, o Prefeito Municipal José Eustáquio Rodrigues não compareceu à reunião ordinária da Câmara Municipal na tarde desta quinta-feira (20). A pauta disponibilizada para a imprensa constava o nome do Prefeito, do procurador geral do município Jadir Souto e do secretário municipal de governo Edno Oliveira Brito.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––

A ida do chefe do executivo até a câmara municipal era aguardada por toda a população que vem cobrando uma resposta a respeito da proposta feita pelo prefeito para suspender a cobrança da taxa de esgoto. José Eustáquio havia feito uma proposta de suspensão da taxa de esgoto em Patos de Minas por nove anos. A medida foi uma forma de ressarcir a população pelos anos em que o esgoto não foi tratado em sua integralidade na cidade.

Na oportunidade, o prefeito deu 30 dias para que a empresa respondesse a proposta sob a possibilidade de considerar o contrato caduco. A Copasa pediu mais tempo e assim José Eustáquio concedeu. Entretanto, já se passaram seis meses desde o envio da proposta e até o momento não houve nenhuma resposta. De acordo com a Copasa, já está sendo tratado 80% do esgoto na capital do milho.

De acordo com o Presidente da Câmara Municipal Francisco Frechiani, o prefeito não confirmou presença na reunião. “É importante lembrar que o prefeito é convidado e não convocado, sendo assim, ele pode resolver comparecer ou não e, caso resolva não comparecer, ele não precisa necessariamente justificar a ausência. Nós estávamos esperando por ele e espero que na próxima reunião ele possa se fazer presente e esclarecer essa situação junto aos vereadores e a população patense”.

Quem foi até a câmara e fez uso da tribuna livre foi o Secretário de Municipal de Planejamento Urbano e Desenvolvimento Econômico Júlio césar de Castro Fonseca. Ele foi questionado pelos vereadores a respeito de vários assuntos como a desapropriação de famílias que invadiram espaços ambientais e construíram casas e barracos. O secretário também falou que os fiscais estão trabalhando diariamente no que diz respeito ao espaço das calçadas. Segundo ele, vários estabelecimentos já foram notificados, alguns fizeram as adequações e outros não.

Imagens atualizado em 20/09/2018 • 9 fotos

Autor: Maurício Fernandes Postado em 20/09/2018
Compartilhe:

39 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Ian | 3 meses, 4 semanas atrás

    Essa situação só vai resolver no dia que a população resolver invadir a copasa e a camara municipal e quebrar tudo, fazer panelaçao na porta de todos os vereadores e do prefeito.

    0 0 Responder

  • Paulo Palhares | 3 meses, 4 semanas atrás

    câmara omissa

    0 0 Responder

  • Negão | 4 meses atrás

    Omissão é o principal motivo de cumplicidade ou isenção da verdade, o que coloca em suspeito toda ação do executivo desta cidade, quando falam que a "cópasa tá molhando a mãos deles " não há porque duvidar....

    0 0 Responder

  • Desordem e Regresso | 4 meses atrás

    "Importante lembrar que o prefeito é convidado e não convocado, sendo assim, ele pode resolver comparecer ou não e, caso resolva não comparecer, ele não precisa necessariamente justificar a ausência." Tinha que ser intimado, caso não comparece mandar buscar, ou melhor, mandar prender, lugar de bandido é na cadeia.

    3 0 Responder

  • GUILHERME | 4 meses atrás

    Copasa isentou prefeitp ze ostaq,Elmiro, beia 25 anos sem pagar taxa esgoto e agua, quem inventou essa taxa de esgoto foi sr Elmiro. quando era prefeito

    3 0 Responder

    Eita - 4 meses atrás

    Essa taxa e o contrato de 30 anos com a Copasa quem vez foi o Sr Antônio do Valle no final de seu mandato. Foi o troco que ele deu aos paraenses depois de perder a eleição

    1 1

  • CAIXETA | 4 meses atrás

    ... Coisa feia hein! Devia tá ocupado pedindo votos pro Elmiro e pro Zé Humberto. Vou dar o troco não votando nestes cabras.

    2 0 Responder

  • Gaúcho das 4 facas | 4 meses atrás

    Pra todo lado que olha o contribuinte só vê ...

    2 0 Responder

  • João | 4 meses atrás

    Esse prefeito é ruim demais, péssimo, saudade do Pedro ruim Lucas que era bem melhor q isso ai! Um vagaba !

    7 3 Responder

  • COPASA | 4 meses atrás

    COPASA rouba mais que rato... No semana passada fui até a Copasa solicitar um religamento me cobraram 151,76 um absurdo!!!!!! E quando reclamei do preço, o atendente me aconselhou a dividir em 10 vezes e deixar pra outra pessoa pagar pq segundo ele as taxas são tantas que a nem saberia. Além da roubalheira, os funcionários são INCOMPETENTES E DESPREPARADOS. :see_no_evil:

    2 1 Responder

  • janainaq | 4 meses atrás

    DEPOIS VCS VEM RECLAMAR DO PEDRO LUCAS, HIPOCRITAS

    6 2 Responder

carregar mais comentários