349669 2216 Ok
Copasa - 21-06-17
Postado em 11/05/2017
Compartilhe:

Mãe e filha ficam feridas após serem atingidas por carro em mais um acidente na cidade

A mãe da motociclista sofreu uma fratura exposta na perna.

O SAMU esteve no local para socorrer as vítimas. (Fotos: Maurício Fernandes)

O acidente aconteceu na tarde desta quinta-feira (11) em Patos de Minas. A motociclista seguia com a mãe na garupa quando acabou sendo atingida por um veículo. A motorista do carro disse que parou no cruzamento, mas não viu a aproximação da moto.

A motociclista, Adriana Aparecida de Oliveira, 35 anos, relatou que seguia pela Rua Barão do Rio Branco quando acabou sendo atingida pelo Ford, conduzido por Natália de Lima Dorneles, 27 anos, que seguia pela Rua Prefeito Camundinho.

Com o impacto, Adriana e a mãe caíram ao solo e precisaram ser socorridas pelo SAMU. A condutora da Honda/Biz sofreu apenas ferimentos leves. A situação da mãe foi mais grave. A senhora foi socorrida com uma fratura exposta na altura do joelho.

A Polícia Militar foi acionada e compareceu ao local para registrar a ocorrência. Natália relatou que parou no cruzamento, olhou para os lados, mas não avistou a motociclista. O carro teve apenas alguns danos no para-choque dianteiro. 

Imagens atualizado em 11/05/2017 • 27 fotos

Autor: Farley Rocha

Nego Duro - Rodapé Notícias
Postado em 11/05/2017
Compartilhe:

9 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • mineiro | 1 mês, 1 semana atrás

    Uai, pq não começa a colocar quebra-molas nas esquinas junto com o pare, já que eles não enxergam um pare daquele tamanho e na cor vermelha.

    3 0 Responder

  • Poison | 1 mês, 1 semana atrás

    Olhou para os dois lados, e depois olhou o Zap Zap!!! :calling:

    6 2 Responder

  • Moto x | 1 mês, 1 semana atrás

    Todos falam de quem conduz moto que é emprudente que não respeita ninguém,mas motociclistas de um tempo pra cá virou vítima.Ninguém respeita pois sabe que em um acidente sempre vamos levar a pior já vi motorista jogar carro pra cima de motoqueiro por pura maldade.

    13 5 Responder

  • V. R. A. | 1 mês, 1 semana atrás

    Há poucos dias, menos de um mês, por muito pouco não sou atropelado neste mesmo local. Eu passava pelo cruzamento de moto, quando de supetão, um senhor de uns 60 anos de idade, simplesmente avançou a parada obrigatória, por muita sorte minha, que eu estava de vagar e atento, consegui parar antes ser atropelado... mas foi por muito pouco. O bacana do veículo, parece que nem percebeu que estava avançando uma parada obrigatória, o cara só se deu conta, porquê eu buzinei e dei um grito na hora. :rage:

    12 1 Responder

  • Edio Batista da Fonseca | 1 mês, 1 semana atrás

    mais um acidente,,,pela reportagem falta de atenção da motorista do ford ..mais atenção gente....!!!!

    2 2 Responder

  • Patense 1 mês, 1 semana atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

    Que lixo de comentário! - 1 mês, 1 semana atrás

    Ta certo machão sabe tudo! Só mulher avança parada né? Ridículo, guarde esse lixo de pensamento machista pra vc!

    16 2

    ARP - 1 mês, 1 semana atrás

    O que causa os acidentes são os péssimos motoristas, independente do sexo, cor, religião ou preferência sexual. No caso, parece que a motorista do carro avançou a parada obrigatória, como é praxe aqui em Patos. Ninguém respeita aquela placa PARE nos cruzamentos.

    1 0

  • Perito | 1 mês, 1 semana atrás

    Culpa da crise. Como já disse em outro comentário, o povo tá passando a usar mais a motocicleta pra economizar uns trocados e mal sabem que assim vão ter é que gastar muito mais com hospital, médico e mecânico.

    3 19 Responder