349669 2216 Ok
Cemil 2017
Publicado em 23/06/2017
Compartilhe:

Jovens advogados superam preconceito e vão se casar com grande festa em Patrocínio

Segundo o Cartório de Registro Civil este é o quarto casamento de pessoas do mesmo sexo na cidade.

Eles sempre agiram como um casal normal.

O advogado, Adolfo Said Akury, 26 anos, e o servidor público, Edson Bianchi Junior, 25 anos, ambos nascidos em Patrocínio, se conheceram dia 25 de setembro de 2011, no segundo período da Faculdade de Direito. Segundo postaram no seu site (http://www.adolfoejunior.com) foi amor à primeira vista. O relacionamento de 6 anos vai culminar com o primeiro casamento oficial entre pessoas do mesmo sexo em Patrocínio.

Eles sempre agiram como um casal normal. Primeiro, concluíram o curso de direito, definiram os planos profissionais e planejaram em detalhes o casamento. O edital já foi publicado pelo Cartório de Registro Civil de Patrocínio e acontece no mês de setembro. Logo após a assinatura de ambos e emitida a certidão de casamento, o casal receberá amigos e familiares para uma grande recepção com uma estrutura digna das melhores festas, e uma chácara na área rural do município.

Segundo o Cartório de Registro Civil, este é o quarto casamento de pessoas do mesmo sexo, mas a reportagem do POL apurou que é o primeiro com festa e convidados. Os outros anteriores foram de dois homens que estavam na Penitenciária de Patrocínio e já divorciaram. De outro casal de homens e o terceiro de duas mulheres, que permanecem unidos.

Confira a entrevista com Adolfo e Júnior

Qual sua visão sobre a decisão do CNJ em 2013 em autorizar casamentos de pessoas do mesmo sexo?

Acreditamos que foi um avanço quando, no ano de 2013, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) aprovou a resolução que determina que todos os cartórios do Brasil celebrem casamentos entre pessoas do mesmo sexo. Tal norma, indiretamente, auxilia no combate ao preconceito e, em curto prazo, efetiva direita como a igualdade e a dignidade da pessoa humana.

É o primeiro casamento (oficial) do gênero em Patrocínio?

Tomamos conhecimento de um casal que já se casou anteriormente. Porém, ainda nada confirmado. Mas podemos dizer que será o primeiro casamento com forte divulgação e que várias pessoas sabem que acontecerá. E estamos muito felizes com a visibilidade que o casamento está tendo, pois queremos mostrar que está tudo certo as pessoas serem felizes da forma como são.

Como foi a receptividade de amigos e familiares?

Junior: Minha família já esperava que mais cedo ou mais tarde o evento aconteceria e ficaram muito felizes e animados em participar da celebração. Tenho muita sorte em dizer que minha família sempre me apoiou da forma como sou e me deu forças em me aceitar e seguir em frente.

Adolfo: Minha família poderia até imaginar que isso aconteceria, grande parte sempre apoiando e contando os dias para a celebração enfim chegar. Porém, existe também uma minoria que não apoia e não se fará presente. O que espero, no entanto, é aproveitar ao máximo o casamento para essa nova fase que se inicia com os amigos e familiares que nos apoiam e torcem para esse grande momento.

E da sociedade?

Levando em consideração o enorme preconceito que existe no nosso país, é surpreendente, inclusive para nós, dizermos que a sociedade nos integrou e não sofremos com o preconceito. Somos respeitados enquanto trabalhadores e cidadãos, e isso é o que realmente se espera que aconteça.

Por algum momento houve medo de realizar o evento? Dificuldade de achar fornecedores e prestadores de serviços?

Percebemos que a população e o setor está se atualizando e abrindo portas para os novos arranjos familiares. O que ocorreu foi que os fornecedores estiveram totalmente interessados no evento, até mesmo para abrir um novo campo comercial, até então pouco explorado. No que tange ao “medo de realizar o evento”, nunca o houve, pois acreditamos que todos devem celebrar o amor e a felicidade e esperamos com nosso casamento incentivar quem mantém união estável que a converta em casamento e não tenha medo de ser feliz!

Há quanto tempo estão juntos?

Nas proximidades da união civil iremos completar seis anos que estamos juntos. O casamento demorou todo esse tempo em razão que queríamos concluir nossa graduação antes.

Pretendem adotar?


Tal tema é frequente nas nossas conversas e, em princípio, a resposta é afirmativa, mas para daqui uns bons anos. Pensamos, inclusive, em adoção tardia, a fim de que a criança já venha com as noções básicas da família onde está sendo inserida e também pela junção de oportunidades, da criança de ter pais que a amarão e por nós, para sermos pais.

Quais os planos, agora casados?

Eu (Júnior) já estou morando em outro município há um ano. Agora casados, os planos é de que o Adolfo se mude também para aproveitarmos a vida juntos, com divisão da rotina doméstica, viagens e o que de melhor o matrimônio pode oferecer.

Fonte: Patrocínio Online

Nego Duro - Rodapé Notícias
Postado em 23/06/2017
Compartilhe:

97 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Guilherme | 3 semanas, 3 dias atrás

    As pessoas ficam definindo se é ou não um casal, segundo o dicionário ou segundo a Bíblia. Gente, vamos respeitar dicionários e bíblias, mas na prática o que faz um "casal" ser um casal e uma família ser uma família é o amor, a amizade, a união, o companheirismo, a fidelidade, o respeito, a paciência... É isso que faz duas pessoas darem certo. Não importam os nomes, se é "casal", se é um "par" etc... Infelizmente o que existe no Brasil é um número muito grande de conflitos familiares, traições, crianças assistindo os pais brigando, estresse dentro de casa, quando a família deveria ser um lar... Se dois homens ou duas mulheres constituem uma casa, uma família, adotam ou não crianças, vivem com amor, porque ficar falando assim? Antes de tudo, Deus é Amor. E independente do que as pessoas achem, a ciência já disse que homossexualidade não é doença. Casal é onde existe amor. Casamento feliz é a união entre duas pessoas que dura. E isso acontece tanto com casais héteros quanto com casais homoafetivos. Mas há pessoas que só vão entender isso com o tempo. Que Deus abençoe todos. :pray:

    5 1 Responder

  • LULUZINHA | 3 semanas, 4 dias atrás

    GOSTARIA DE PEDIR PERDÃO A TODOS@ MAIS ISSO PRA MIM É O FIM. NÃO CONCORDO E NÃO ACEITO. SE TIVESSE QUE SER DIFERENTE DEUS NÃO TERIA CRIADO SEXOS OPOSTOS. ´PRA MIM É SIMPLESMENTE RIDICULO E MUITO FEIO. SE EU FOSSE DA FAMILIA ESTARIA MUITO TRISTE. GRAÇAS A DEUS QUE EM MINHA FAMILIA NÃO TEM ISSO.SOU PRECONCEITUOSA E NÃO NEGO E ELES ACHAM LINDO. UM HORROR.

    4 3 Responder

    Palpiteiro - 3 semanas, 4 dias atrás

    E Deus queira que na sua família não tenha mesmo, nem hetero, nem gay, queira a Deus que você seja estéril, pois conviver com uma pessoa com pensamento tão idiota quanto o seu ninguém merece. Vá se informar.

    3 4

    Armário - 3 semanas, 4 dias atrás

    Luluzinha, isso é crise de existência, vc é uma lesbica ou um gay incubado, já pode sair do armário, seja feliz... Se joga viada, vai arrasar...

    1 4

    Guilherme - 3 semanas, 3 dias atrás

    Será que na sua família não tem mesmo? Há muitas pessoas que deixam de ser elas mesmas, por causa de visões assim. Vivem anos escondendo quem são. Parabéns ao casal.

    4 1

    anjo bom - 3 semanas, 1 dia atrás

    Também concordo com você. Não existe meio termo. DEUS CRIOU O HOMEM E MACHO E FÊMEA OS CRIOU!

    0 0

  • Eliana | 3 semanas, 5 dias atrás

    Tem alguém aí pagando as contas deles? Não, né? Então. Desde que eles decidiram ser um casal, se tornaram casal e pronto. Quantos machões aí estão comentando e não conseguem realizar a vida conjugal de suas esposas. Eles estão certos. não estão agredindo ninguém. Apenas estão vivendo suas vidas como querem independente das opiniões dos outros. Amor? de toda forma é válida. è amor e pronto! No mais viva os héteros e os homos!

    8 3 Responder

  • Hipocrisia | 3 semanas, 5 dias atrás

    E lá pagar as contas ninguém vai não né falar e julgar é oq mais tem ..... Deus ama todos nós

    7 2 Responder

  • Luís | 3 semanas, 5 dias atrás

    Olha o recalque gente Deus ama nos como somos,se vão adotar criança isso é com eles.. Melhor dizendo crianças q homem e mulher joga no lixo, Deus ama todos nós ele vai julgar esses linguarudos..

    6 2 Responder

  • Frank | 3 semanas, 5 dias atrás

    Tem casamento constituído por Deus que é homem com mulher e do diabo que é homem com homem e mulher com mulher .

    14 7 Responder

  • Dicionário | 3 semanas, 5 dias atrás

    Casal: Par constituído pelo macho e pela fêmea. Dicionário On Line.

    14 7 Responder

    Euu - 3 semanas, 5 dias atrás

    Essa é a verdade. Respeito a opinião deles mas do mesmo jeito que 2+2 sempre será 4, esses dois não são e nunca serão um casal.

    10 5

  • Carmense | 3 semanas, 5 dias atrás

    O que vejo aqui pelos comentários que na sua maioria nada mais são comentários de gente mal amada, mal resolvida e mal informada, que não sentem o mínimo de repeito pelo próximo. Acredito que são infelizes e que sentem-se incomodados com a felicidade alheia. Invejem, bastante, pois os dois estão felizes juntos, foram feitos um para o outro e isso que importa. Conheço um bando de machão que se fazem de heteros mas estão loucos para estar no lugar dos dois, dariam tudo pra poder assumir uma vida a qual morrem de vontade de ter, mas que por fraqueza e medo não podem, arrumam namorada, filhos apenas para fazer média com a sociedade, e vivem atras de relacionamentos homoafetivos as escuras. Os dois são sim um casal, e bem resolvido por sinal, vão ter uma vida melhor que muitos ignorantes por aqui, vão viver bem, com dinheiro, com classe e estilo, viajando, comendo e bebendo do bom e do melhor, enquanto alguns e outros aqui vão estar falidos, infelizes e amargos. Parabéns aos dois, que Deus ilumine a vida de vocês e que sejam muitoooooo felizes, quebrem tabus e mostrem a essa sociedade hipócrita que o amor não tem rótulos.

    12 16 Responder

    cumedo de queijo - 3 semanas, 5 dias atrás

    CARO CARMENSE, É NOTÓRIO QUE A SUA IGNORÂNCIA EXTRAPOLA TODOS OS LIMITES. A LIBERDADE DE SER E AGIR DA FORMA COMO QUEREMOS, TODOS NÓS TEMOS, JURIDICAMENTE E ESPIRITUALMENTE, AGORA CONTRARIAR A NATUREZA E QUERER TRANSFORMAR DUAS PESSOAS DO MESMO SEXO EM CASAL, AÍ JÁ É DEMAIS. OUTRA COISA: NINGUÉM AQUÍ É MAL OU BEM AMADO OU TEM INVEJA DE ALGUMA COISA QUANDO EXPRIME UMA OPINIÃO, ESPECIALMENTE QUANDO ESSA OPINIÃO VEM DE ENCONTRO ÀS CRIAÇÃO DE DEUS. O MELHOR QUE VOCE FAZ É CURTIR SUA BOIOLAGEM AÍ NO CARMO SABENDO QUE AMOR DE DEUS E FELICIDADE NUNCA TERÃO.

    13 9

  • Gb | 3 semanas, 5 dias atrás

    Uns gostam dos olhos, outros da remela...

    14 3 Responder

  • Patense em BH | 3 semanas, 5 dias atrás

    Se fossem de classe de baixa renda, será que o IBOPE seria o mesmo?

    14 1 Responder

carregar mais comentários