Homem se passa por médico da Clínica de Especialidades para aplicar golpe em loja

Ele pediu roupas e sapatos em seu suposto local de trabalho, mas o entregador desconfiou da atitude do homem.

publicado em 14/05/2019, por Maurício Rocha


O homem se passou por médico da Clínica de Especialidades.

A Polícia está a procura de um homem que se passou por médico da Clínica de Especialidades para aplicar golpe em uma loja da cidade. Ele pediu roupas e sapatos em seu suposto local de trabalho, mas o entregador desconfiou da atitude e não deixou as mercadorias avaliadas em mais de R$ 5.900,00.

O suposto médico ligou na loja e permaneceu na Clínica de Especialidades para receber as roupas e sapatos. Mas na hora de preencher a ficha com dados pessoais, que é uma exigência da loja, ele começou a apresentar desculpas. Nessa hora o entregar desconfiou e perguntou as funcionárias da Clínica se o homem era realmente médico.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

Ao ser informado que o suposto médico na verdade não trabalhava na Clínica de Especialidades, o entregador acionou a Polícia Militar. O falsário, que havia usado a assinatura de dois médicos para construir um nome falso, desceu as escadas e desapareceu. A Polícia Militar foi acionada para registrar o caso.

Segundo o entregador, o homem tem entre 45 e 50 anos, cabelos grisalhos, é magro, alto e tem a pele clara. O caso serve de alerta para outros comerciantes que costumam deixar roupas em condicional. A proprietária da Rovan, a loja que foi alvo do estelionatário, destacou que só não ficou no prejuízo de mais de R$ 5.900,00 porque mantém um sistema de cadastros de seus clientes.

Imagens atualizado em 14/05/2019 • 5 fotos

Autor: Maurício Rocha Postado em 14/05/2019
Compartilhe:

29 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Indignada | 2 meses, 2 semanas atrás

    Engraçado como o ser humano é ingrato né. Essa aí só não teve prejuízo porque o entregador foi além da função dele. Porque o bandido poderia ter preenchido o cadastro e levado a mercadoria. Mas pela astucia e competência do entregador a Proprietária da loja não teve prejuízo né! No meu ponto de vista esse entregador merecia até uma gratificação da sua patroa por prestar um serviço tão eficiente. E essa proprietária da loja deveria aprender a reconhecer o bom trabalho dos outros.

    3 1 Responder

  • RECONHECIMENTO | 3 meses, 1 semana atrás

    CORRIGINDO: Só não ficaram no prejuízo de mais de R$ 5.900,00 porque O ENTREGADOR foi esperto, porque esse sistema de cadastro não vale de porcaria nenhuma se quem entrega não for esperto. Reconhecimento que é bom esse povo dessas lojas não tem né! :triumph:

    11 0 Responder

  • Assalariada | 3 meses, 1 semana atrás

    Se fosse um faxineiro que tivesse feito o pedido a loja com certeza não mandaria.

    2 2 Responder

  • Sincero | 3 meses, 1 semana atrás

    Sisteminha de cadastro furado heim?!..feito no local da entrega e não na loja. Mérito ao entregador que foi esperto. Deu sorte que se tratava de um estelionatário e não de um bandido armado esperando a mercadoria. Pode pagar a gratificação com muita satisfação ao entregador.

    15 0 Responder

    Reflexão para lamentar - 3 meses, 1 semana atrás

    Parabéns ao entregador! Agora dizer que foi graças ao sistema de cadastro...!!!??? Valorize seu funcionário e esqueça esse sistema de cadastro!

    16 1

  • fabricio | 3 meses, 1 semana atrás

    "destacou que só não ficou no prejuízo de mais de R$ 5.900,00 porque mantém um sistema de cadastros de seus clientes" Nada a ver, a proprietária só não ficou no prejuízo porque o entregador foi inteligente e esperto. Valorize seus funcionários!!!

    111 0 Responder

  • Patense | 3 meses, 1 semana atrás

    Só não ficou no prejuízo porque o entregador foi eficiente. Quanta dificuldade os patrões têm em reconhecer o mérito dos seus funcionários.

    94 0 Responder

  • Mtx | 3 meses, 1 semana atrás

    Sistema de cadastro que nada, só não ficou no prejuízo graças ao entregador que teve maldade e desconfiou do cara,Se tivesse sistema de cadastro que a dona falou não teria mandado levar de valor ao seu funcionário pelo menos uma vez.

    54 0 Responder

    Sisssa - 3 meses, 1 semana atrás

    Incrível ne como patrão não dá valor no empregado ne foi o sistema q chamou polícia foi o sistema q desconfiou do suposto médico. Da próxima vez deixa levar .Não da valor no funcionário.

    35 0

  • Criativo | 3 meses, 1 semana atrás

    Parabéns ao entregador muito sábio e esperto agiu rápido graças a ele a loja não ficou no prejuízo ????????????????????????

    48 0 Responder

    Sisssa - 3 meses, 1 semana atrás

    A dona ainda falou q foi graças ao sistema q ela não foi lesada que absurdo neh

    23 0

  • Pacato Cidadão | 3 meses, 1 semana atrás

    Parabéns ao funcionário da loja, a patroa ainda creditou os méritos no sistema de cadastramento. Entregador, não se assuste se amanhã você chegar um pouco atrasado ou pegar um atestado médico se não te mandam embora, patrão é assim mesmo.

    58 0 Responder

  • Gonzales | 3 meses, 1 semana atrás

    se fosse no sao luca o entregador nem ia

    11 6 Responder

carregar mais comentários