Publicado em 13/04/2018
Compartilhe:

Governo de Minas anuncia criação de bases aéreas em Uberaba para atendimento à população do Triângulo Mineiro

A instalação das bases compõe a estratégia de ampliação da cobertura da malha aérea do estado de Minas Gerais.

As aeronaves das bases de Uberaba e Montes Claros pertencem ao Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG).

O governador Fernando Pimentel anunciou nessa quarta-feira (11/4) a criação de bases aéreas nos municípios de Governador Valadares (Território Vale do Rio Doce), e Uberaba (Território Triângulo Sul), além da ampliação da base aérea de Montes Claros (Território Norte).  O anúncio foi feito por meio de sua conta na rede social Instagram.

A instalação das bases compõe a estratégia de ampliação da cobertura da malha aérea do estado de Minas Gerais, seguindo o conceito multimissão, em que as aeronaves cobrem determinada região do estado com serviços nas áreas de segurança pública, atendimento de emergências de saúde, transporte de órgãos, resgastes, prevenção e combate a incêndios, dentre outros serviços.

Com a medida os municípios situados nas regiões de Montes Claros, Uberaba e Governador Valadares serão melhor atendidos pelos serviços aéreos do Governo Estadual, uma vez que a capacidade de atendimento será ampliada, possibilitando a assistência rápida e de qualidade a toda população.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––

Para a criação das bases, serão distribuídos três helicópteros, modelo Esquilo, sendo que já a partir de maio próximo será instalada a base aérea multimissão no município de Governador Valadares, com um helicóptero da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), para atendimento prioritário às regiões do Vale do Rio Doce, Jequitinhonha e Mucuri.

Também em maio será criada a base aérea situada no município de Uberaba, com um helicóptero, visando cobrir, prioritariamente, as regiões do Triângulo Mineiro e Noroeste do estado, além da disponibilização de mais um helicóptero para reforçar o atendimento na região de Montes Claros, no Norte de Minas.

As aeronaves das bases de Uberaba e Montes Claros pertencem ao Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG).

A gestão do emprego das aeronaves caberá ao Comando de Aviação do Estado (Comave), órgão criado para centralizar e otimizar o gerenciamento da frota aérea do Estado, composta por aeronaves do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, do Gabinete Militar do Governador, da Polícia Civil, da Polícia Militar, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

As oito bases aéreas, cobrindo todas as regiões de Minas Gerais, representam maior capacidade de resposta às demandas de segurança pública, saúde, meio-ambiente e outras que demandem a utilização de aeronaves, reduzindo-se o tempo de atendimento em situações emergenciais.

Entre estas ações estão a de resgate, transporte de órgãos para transplantes e suporte à vida, em que a resposta rápida propiciada pelo transporte aéreo é fundamental.

Fonte: Agência Minas

Postado em 13/04/2018
Compartilhe:

3 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Observador | 6 meses atrás

    Patos vai perder pra Paracatu o Samu regional....escutem....era pra termos a disposição um helicóptero como base aqui, mas o alto Paranaíba não tem representantes políticos e pelo visto vai ficar mais 04 anos sem....

    7 1 Responder

    Zé Povim - 6 meses atrás

    Larga de vaidoso. Por isso que esse lugar fica paralisado. Cheio de gente que pensa em ser, ter. Antes de tudo é preciso agir, fazer.

    0 3

    POLÍTICO TÉCNICO - 6 meses atrás

    POIS PODE FICAR ESSE SAMU REGIONAL POR LÁ MESMO, BEM LONGE DE PATOS D EMINAS. CABIDE DE EMPREGO DE POLÍTICOS DO PT QUE ACABOU COM ESSE PAÍS. UBERLANDIA QUE USA DE UMA ADMINISTRAÇÃO INTELIGENTE, UTILIZANDO O EXCELENTE SERVIÇO DO BATALHÃO DO CORPO DE BOMBEIRO PARA AS URGÊNCIAS. FORA SAMU REGIONAL

    1 2