GAECO realiza nova fase da Operação Nêmesis e número de presos chega a 43 em Patos de Minas

Com os últimos presos, a operação chegou a 43 pessoas detidas.

publicado em 13/10/2019, por Farley Rocha


A operação foi deflagrada pelo GAECO em Patos de Minas.

O GAECO de Patos de Minas- Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado- deflagrou na sexta-feira (11) mais uma fase da Operação Nêmesis. Dessa vez, foram 3 pessoas presas, sendo dois deles agentes públicos. Com os últimos presos, a operação chegou a 43 pessoas detidas.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Rota Pop

De acordo com o promotor de justiça, Paulo César Freitas, coordenador do GAECO, órgão do Ministério Público, com a cooperação da 10ª Região de Polícia Militar de Minas Gerais, cumpriu 3 mandados de prisão preventiva e 2 mandados de busca e apreensão. Foram presos preventivamente, dessa vez, três pessoas, sendo identificados pelas iniciais F.B.H, além de B.P.S.F e J.C.F., estes dois últimos agentes da Polícia Civil. O Ministério Público destacou que J.C.F. havia sido preso também na primeira fase, recebendo, agora, uma segunda ordem de prisão.

Os Mandados de Prisão dos Policiais Civis B.P.S.F e J.C.F foram cumpridos pela própria Instituição a que pertencem, dentro da sede do Departamento em Patos de Minas, sendo o policial B.P. escoltado até a Casa de Custódia em Belo Horizonte, onde já se encontra recolhido J.C.F. A investigação está em curso desde 20/03/2019 e até o presente momento levou à prisão 43 pessoas.

Autor: Farley Rocha Postado em 13/10/2019
Compartilhe:

65 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Izy 1 mês atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Casa Caiu 1 mês atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • OBSERVADOR 1 mês atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

    Só penso 1 mês atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • | 1 mês atrás

    Os comparsas, parentes é coniventes com a corrupção atacam o corajoso promotor achando que vão limpar os bandidos da pc.

    7 7 Responder

  • Curió | 1 mês atrás

    Infelizmente a PCMG, que devia dar exemplo, está infestada desses sujeitos. Mas é bom ver que, às vezes, uma limpeza acontece. Parabéns.

    21 21 Responder

    Curió - 4 semanas atrás

    Até o momento, 18 policiais com o rabo preso não gostaram do meu comentário.

    3 1

  • RUA DOS AFONSOS 1 mês atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Médicos Gaeco | 1 mês atrás

    Nunca vi um promotor do Gaeco fazer uma operação midiática prendendo médicos de alta classe em Patos de Minas, com aviões, viaturas de madrugada, etc. Precisa de uma operação dessa em Patos, mas ninguém nunca vai ver.

    34 12 Responder

  • Alta Sociedade de Patos | 1 mês atrás

    Espetacularização da operação na mídia já condenas as pessoas. Ações próprias do ministério público e sem provas. É preciso investigar os penduricalhos do MP, auxílio moradia, e a CPI Lava Toga. Porque o Gaeco não se investiga os médicos de Patos, as omissões dos hospitais privados, a UFU em terreno de prefeito, a alça de acesso na prefeitura e as obras no entorno, a sonegação de impostos de grandes empresas de patos de minas, principalmente as ligadas ao agronegócio???? Peixe pequeno é fácil encontrar erros, mas na alta sociedade é difícil, até mesmo se se convive no círculo social em comum.

    35 20 Responder

    Para o Curioso INVEJOSO - 1 mês atrás

    Por que vc não doou o terreno p fazer a UFU lógico é um pé rapado que não tem nem casa deixa de ser invejoso . Vc deve ser puxa saco da Unipan lavanderia de DINHEIRO desviado

    13 15

    Para o curioso - 1 mês atrás

    O irmão e vc deve ser um dos vagabundo que mama na teta do governo. No mínimo deve ser um vereador vagabundo q não tem coragem nem de colocar o nome no comentário. Larga de ser vagabundo. Laia do PT

    13 4

  • OBSERVADOR | 1 mês atrás

    Denúncias: fiz uma denúncia no site MP com todas as dicas de uma fraude contra consumidor, as pessoas envolvidas, valores da proprina, numero das contas onde se movimentou a fraude por 02 vezes.....pra minha surpresa apos 02 meses ao acompanhar o resultado li que denuncia anonima garantida pelo proprio site não foi concluida devido a eu não me identificar....uma piada....estão os mineiros prejudicados por uma grande quadrilha de empresarios de determinado setor essencial do dia a dia.

    29 2 Responder

  • | 1 mês atrás

    Pula nos noiados aí donos dessas clínicas de reabilitação,tem muita coisa lá,bando de sem vergonha pagando de playboy na cidade

    24 1 Responder

carregar mais comentários