Futuro incerto: comércio de Patos de Minas sente ajustes na economia nacional

O presidente do Sidcomércio acha que a situação pode piorar.

publicado em 03/03/2015,


Algumas lojas no centro estão fechadas.

Alguns comércios fechados no centro de Patos de Minas chamam atenção para a situação econômica na cidade. Apesar de ser natural a queda no movimento no início de ano, os comerciantes devem se preparar para os ajustes que o governo está promovendo na economia. O presidente do Sindec, Ascendino César das Chagas, vê o momento difícil, mas acredita que o mercado vai se adaptar. O presidente do Sidcomércio, Sebastião Andrade, orienta os comerciantes a terem pé no chão e se prepararem. Ele acha que a situação pode piorar.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

O presidente do Sindec informou que no início do ano realmente é comum as demissões no setor do comércio. Nos meses de janeiro e fevereiro, foram homologadas 303 demissões por vontade do empregador na região. Ele resaltou que as polêmicas na mídia envolvendo corrupção, greve dos caminhoneiros e todas as novas medidas anunciadas pelo governo vão refletir negativamente na economia, mas ele acredita que o mercado vai se adaptar. “O país tem suportado bem as crises e não é só o Brasil que enfrenta problemas”, destacou.

Imagens atualizado em 03/03/2015 • 8 fotos

O presidente do Sindcomércio, no entanto, acha que a situação pode piorar e aconselha os empresários a terem pé no chão. Sebastião Andrade informou que a indecisão do governo vai refletir no mercado e quem mais vai sofrer são as pequenas empresas. Ele contou também que a falta d’água, aumento nos combustíveis e energia são outros fatores que também vão influenciar. Ele acredita que os comerciantes e empresários devem se preparar e reservarem um capital de giro, porque mais questões negativas podem acontecer.

Autor: Maurício Rocha

Postado em 03/03/2015
Compartilhe:

79 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Isaias | 5 anos, 1 mês atrás

    Apesar de todos os problemas, estes ditos 'ajustes' são necessários. Corrupção está por a toda parte... e é todo mundo querendo levar uma vantagenzinha em alguma coisa...enfim...o cenário mundial não é dos mais favoráveis, com exceção das grandes e sugadoras potências econômicas. Acredito que será uma fase que os brasileiros vão mais uma vez, tirar de letra.

    0 5 Responder

  • Gui | 5 anos, 1 mês atrás

    Comercio de Patos é ruim, produtos são ruins, repetitivos, atendimento é pessimo, serviços aqui vc nunca consegue fazer, todo mundo sem qualificação, tudo informal, parece que foram treinados para atender apenas aqueles trogloditas que vem das roças que esse comércio atende. E vai sofrer mais ainda, com a crise do país, e com a informatização das vendas de produtos, principalmente com as lojas online.

    4 13 Responder

    mão branca - 5 anos, 1 mês atrás

    Sou troglodita com muito orgulho.

    2 1

    bao de mais - 4 anos, 10 meses atrás

    e facil meu caro gui vai pra outra cidade patos de minas e ruim de mais para voce super exelencia

    0 0

  • Zeca | 5 anos, 1 mês atrás

    Esse ponto comercial aí, é aquele famoso "Elefante branco"... Esse ano mal começou e já estamos com recessão! Triste Brasil

    3 1 Responder

  • | 5 anos, 1 mês atrás

    Acredito que a crise vai afetar significativamente a cidade. Isto se dará pelos ajustes governamentais e também pela forma como o consumidor é tratado no comércio patense. Não sou dá cidade, porém recentemente fiquei indignada com a forma que a atendende de uma imobiliária me tratou. Faltou me chutar porta a fora. É por essas e outras que o comércio em Patos vai sofrer com a crise.

    10 0 Responder

    Tiago - 5 anos, 1 mês atrás

    Olha me mudei de Uberlândia para Patos a 3 anos, e vou te contar uma coisa, dizem que lá por ser grande as pessoas são insensíveis, porém foi aqui que notei este tipo de pessoa. Comercio aqui de cada 10, somente 2 ou 3 atendem bem, até parece que é o comercio que está me fazendo um favor em vender alguma coisa. Mas se Deus quiser voltarei, porque aqui é que eu não quero morrer!

    10 1

  • Ticonito | 5 anos, 1 mês atrás

    Esse comercio não serve de base, pois tinham um péssimo sistema de atendimento, do qual a atendente ficava o tempo todo atrás de você causando desconforto . Mas realmente a crise esta ae, e a culpa é de quem votou na Dilma . Infelizmente esses eleitores nunca se importaram com nada, e não vai ser agora que vão mudar , depois de 12 anos .

    7 3 Responder

  • Sr. fantástico | 5 anos, 1 mês atrás

    A culpa não é minha! Eu não votei na Dilma!

    26 6 Responder

  • thyslei | 5 anos, 1 mês atrás

    Dilma vai dizer que é culpa do FHC.

    28 2 Responder

  • the*dog | 5 anos, 1 mês atrás

    E o pior é saber que mais de 50% do eleitorado patense votou no PT. É triste saber que há tanta gente conivente com um desGoverno desse. Agora todos colheremos os frutos podres. Lamentável.

    26 3 Responder

    TIJOTA - 5 anos, 1 mês atrás

    Sou anti PT, odeio política, mas achar que é tudo culpa da Dilma?!! Qualquer que estivesse la, estaria fazendo a mesma coisa. Agora me deixa indignado o quanto a mídia repercute esta corrupção. Qual é a novidade? Desde quando não ha roubo? Desde quando as empreiteiras não desviam dinheiro público? A realidade é triste, o Brasil é um pais do famoso "jeitinho". Sempre se busca vantagem, toma uma multa de transito, busca um conhecido pra cancelar-la, empregado pede acordo trabalhista pra receber seguro desemprego, e por ai vai. Tudo isso é roubo, não importa o quanto nem o que. Dias desses um colega, que trabalha no ministério da saúde, disse que tirava cópia de livros dos filhos no trabalho dela, como se fosse normal, mas quem paga o papel, tinta, energia que ela gastou la, é do povo. Portanto ela roubou, cometeu corrupção, por isso nosso país não muda. Aliás, quando os políticos brasileiros aprovarem leis que punem eles próprios, de verdade, é que o Brasil poderá melhorar, mas enquanto isso.........

    16 12

    Mariadasdores - 5 anos, 1 mês atrás

    TUJOTA, concordo com você. A midía CORRUPTA, sonegadora, está fazendo a cabeça do povo. A maioria dos brasileiros acham que corrupto é sempre o outro.

    11 3

  • Severino | 5 anos, 1 mês atrás

    ...Os países que adotaram o "capitalismo selvagem" estão todos em crise. Mas temos que manter a esperança em dias melhores e trabalhar para que isto aconteça. Vambora trabalhar! Fica vendo Bom (mau) dia Brasil toda manhã é isto que dá. Querem lucros nas alturas, é isso que dá.

    6 11 Responder

    Do comercio - 5 anos, 1 mês atrás

    Lucros nas alturas nao. Vc diz isso pq nao eh vc q tem q ralar e correr como pode pra poder pagar esses alugueis absurdos no inicio do mes, se dar conta da alta inadimplencia e nao poder fazer nada, tentar fazer de tudo para vender ate dia 10 pra pagar fgts, simples nacional e outros muitos impostos q cada mes vem mais alto o valor, energia subindo todo mes, funcionario tem mais direito do q qualquer outra pessoa nesse pais, clientes q também te destratam e te desrespeitam, taxas e mais taxas todos os meses q o governo cria, taxa dos cartoes, e vc diz ainda q queremos lucros nas alturas..quem dera se pelo menos estivessemos tendo lucro algum

    6 1

  • Ricardo | 5 anos, 1 mês atrás

    Eles foram também com a diferença de preço entre eles e a internet. Eles querem (ou precisam) ganhar muito e por isso os preços são muito diferentes. Comprar uma tv ou ar condicionado p. ex., em Patos hoje é burrice. Na internet é 20% mais barato e 20% nestes bens, pode representar até R$ 300. Como comprar aqui?

    12 5 Responder

    Fica esperto - 5 anos, 1 mês atrás

    Você se esquece que o custo para manter um comércio de porta para a rua é muito maior do que o comércio eletrônico, é por isso que existe essa diferença.

    8 7

carregar mais comentários