Exposição de artesanato trazida por índios do interior da Bahia chama a atenção em Patos de Minas

A exposição conta com utensílios domésticos, adereços pessoais, objetos de cozinha e até instrumentos musicais.

publicado em 13/06/2019, por Maurício Fernandes


Quem for ao Pátio Central Shopping vai se deparar com uma linda exposição de artesanato feita por índios do interior da Bahia. A exposição conta com utensílios domésticos, adereços pessoais, objetos de cozinha e até instrumentos musicais. Nossa equipe de reportagem esteve no local na tarde desta quarta-feira (12) e conversou com o organizador da exposição. Os materiais ficam à venda até o próximo domingo.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––

Os artesanatos feitos pelos indígenas da aldeia Cruz Vermelha são produzidos pelos moradores do local e vendidos como forma de sustento. De acordo com o indígena Akauã, ele chegou em Patos de Minas na última quinta-feira (05) e viajou dias até desembarcar na capital do milho. Em conversa com nossa equipe de reportagem, ele disse que nessa época do ano, o movimento de turistas na região é fraco e, sendo assim, eles saem para vender seus artesanatos em outros lugares.

Todos os produtos comercializados na exposição foram feitos na aldeia de Akauã. As pessoas que forem até o shopping poderão encontrar diversos materiais como colheres de pau, instrumentos musicais indígenas, colares, pulseiras, anéis entre outros. Eles também estão comercializando produtos para decorar a casa, chaveiros, filtros, máscaras que tiram o mau olhado, panelas e miniaturas de animais feitos de madeira.

Além de garantir um preço super bacana, Akauã reforça que os produtos foram feitos com muito carinho e muito esmero. A exposição ficará no Pátio Central Shopping até este domingo (16). Akauã aproveitou a oportunidade para convidar a todos não só para adquirir algo na exposição, mas também para conhecer um pouco mais sobre a cultura de sua aldeia no interior da Bahia.

Imagens atualizado em 13/06/2019 • 27 fotos

Autor: Maurício Fernandes Postado em 13/06/2019
Compartilhe:

15 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • André Mineiro | 2 meses, 1 semana atrás

    Nota-se que os índios estão bem evoluídos!... Dá para perceber que ali tem varias peças que foram produzidas em tornos mecânicos e em várias outros tipos de equipamentos e máquinas industriais. Artesanato manual mesmo, nada.

    0 0 Responder

  • Verde cintilante | 2 meses, 1 semana atrás

    esse cara não é indio nem aqui e nem lugar nenhum, e outra indio não gosta de trabalhar, agora índio baiano.... vixi, nunca trabalhou na vida, e nem vai trabalhar.

    2 2 Responder

  • Truvao azul original | 2 meses, 1 semana atrás

    Vê se eles sabem fazer a dança da chuva..se fizer aí sim são índios originais..... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    2 1 Responder

  • Arvelos | 2 meses, 1 semana atrás

    Essa foi boa: Cachaça pra eles e chamada de cai boca. Essa foi a melhor.quem ja tomou uma cai boca hoje da um alô.

    2 1 Responder

  • flavio | 2 meses, 1 semana atrás

    Índio com camiseta do exército. Nem identidade cultural os índios brasileiros tem.

    6 12 Responder

  • Paulo | 2 meses, 1 semana atrás

    Lá na avenida Brasil tmb tá cheio de índios...tribo poeira azul

    4 12 Responder

  • Morena | 2 meses, 1 semana atrás

    Que lindo dos artesanatos, peças muito útil . Tive a oportunidade de comprar uma gamela , numa exposição deles há uns 2 anos atrás aqui em Patos. Estou satisfeita com minha compra, a peça está linda e conservada até hoje. Só não vou aí fazer uma boa compra devido minha situação financeira não estar permitindo. Mas desejo boas vendas pra vcs queridos irmãos.

    20 0 Responder

  • Freitas | 2 meses, 1 semana atrás

    Artesanato industrial.....

    8 11 Responder

  • Jose | 2 meses, 1 semana atrás

    Esse cidadão é Índio, brincadeira hem.....

    8 22 Responder

  • CIDADÃO DO BEM | 2 meses, 1 semana atrás

    Patenses não gostam desse tipo de acontecimento. Se tivesse uma exposição sobre Colcci, Calvin Klein, Apple, Armani, Dolce e Gabanna e as demais conhecidas, e ingressos de eventos mais que 400 reais, teria filas para a venda.. estaria lotada a exposição. rsrsrsrsrsrs digasse de passagem

    25 5 Responder

    [email protected] - 2 meses, 1 semana atrás

    Kkkkk boa sinal de pouca Fé ..Vc q diz q Patence não gosta disso e aquilo vc deve ser bem estudada tenho até do de usar Patence quem não gosta E so VC Tenha do larga de fal o que vc nem sabe q fala que vc NÃO gosta tudo bem ..mas me faça um favor fale por vc e NÃO Pelo povo Patence....Pois vc deve volta a Escola Isso ai faz Parete da Nossa Cultura....vai ver q vc e Descendente de Indio e nem Sabe tbm Né.....ass:2019 um ano mekhor com menas gente ignorante

    2 14

    P/ Faraó - 2 meses, 1 semana atrás

    Como você fala de ignorância escrevendo "patence" e "menas"?

    2 2

    . - 2 meses, 1 semana atrás

    Quem deveria voltar para escola era você. Belo português! digasse de passagem!

    3 0

carregar mais comentários