Enquanto interventor não assume, Hospital São Lucas acumula mais uma ocorrência policial

Na quinta-feira (09), quando a Justiça decidiu nomear um interventor, dois caminhões foram flagrados no Pátio do Hospital e a Polícia Militar foi acionada para evitar a retirada de equipamentos.

publicado em 13/05/2019, por Maurício Rocha


A Polícia Militar foi acionada e o caso foi parar na Delegacia.

O Hospital São Lucas voltou a se tornar caso de polícia na manhã desta segunda-feira (13). O médico Sérgio Piau, que é o proprietário da estrutura, acusou um funcionário de Ruy Muniz, que havia arrendado o hospital, de fazer a retirada de equipamentos. Na quinta-feira (09), quando a Justiça decidiu nomear um interventor, dois caminhões foram flagrados no Pátio do Hospital e a Polícia Militar foi acionada para evitar a retirada de equipamentos.

Diante das inúmeras denúncias e desacordos entre o médico Sérgio Piau (proprietário) e o médico Ruy Muniz (arrendatário), a Justiça decidiu nomear o Grupo Pró Saúde para administrar o Hospital São Lucas. A decisão foi publicada na última quinta-feira (09), mas os novos gestores ainda não assumiram a unidade hospitalar. Os representantes do Ruy Muniz continuam no Hospital e sendo acusados por Sérgio Piau de retirar equipamentos.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

Segundo o médico, nesta manhã, flagrou um funcionário de Ruy Muniz retirando monitores da UTI Neonatal. Sérgio disse que tentou impedir o funcionário de levar o equipamento. Os ânimos se exaltaram. O funcionário disse que foi agredido com um soco na boca. Sérgio negou a agressão e disse que apenas pegou uma pá para se defender, uma vez que o funcionário se armou com um facão.

A Polícia Militar foi acionada e o caso foi parar na Delegacia. O médico Sérgio Piau disse que a retirada de equipamentos do Hospital pode comprometer o atendimento aos pacientes. Ele acusou os funcionários de Ruy Muniz de terem retirado vários monitores e outros equipamentos da unidade. Os funcionários negam. Eles informaram que apenas retiraram uma autoclave na quinta-feira, tendo em vista que o equipamento havia sido trazido de outra unidade, mas por causa da energia nunca chegou a ser utilizado.  Com relação aos monitores da UTI, o funcionário informou que os equipamentos foram retirados apenas para que fosse feita a manutenção.

O Hospital São Lucas tem sido motivo de grande preocupação em Patos de Minas. Embora seja propriedade particular, ele é o único na cidade a atender pacientes carentes através do Sistema Único de Saúde. Serviços essenciais, como hemodiálise e oncologia, são oferecidos gratuitamente. A nomeação do Grupo Pró Saúde para gerir a unidade é uma tentativa de solucionar de vez os problemas. Os gestores já estão em Patos de Minas e a expectativa é de que eles assumam a administração do Hospital São Lucas ainda nesta segunda-feira (13).

Imagens atualizado em 13/05/2019 • 14 fotos

Autor: Maurício Rocha Postado em 13/05/2019
Compartilhe:

71 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Luluzinha | 7 meses atrás

    Coitados de nós funcionários, com filhos para criar, contas a pagar, e até hoje não recebemos nossos salários. Parece que estamos se humilhando por pedir algo que é direito nosso. Acorda colegas vamos fazer paralização, temos família que depende de nosso suor. Desse jeito não dá...

    17 0 Responder

  • goiano | 7 meses atrás

    A Polícia de Patos de Minas, já adora se aparecer, ainda ficam dando brecha pra eles.

    1 6 Responder

  • Creuza | 7 meses atrás

    Até quando vai essa lenga lenga neste pseudo hospitazinho mequetrefe , que saco isso ....

    6 2 Responder

  • Wander | 7 meses atrás

    Lamentável... quando lembro de Dr. Antônio e a Daguinha e que o HSLucas era uma referência em Patos. Eles trabalhavam com dedicação e seriedade. Muito complicado ver o filho deles que não dá conta de administrar o hospital.

    7 1 Responder

  • Marcinha | 7 meses atrás

    Fico impressionada como que o HOSPITAL SAO LUCAS virou isso. Esse hospital foi referencia em Patos de Minas por anos. O que faz uma pessima administraçao. Me lembro muito bem do Dr Antonio..... SE ELE ESTIVESSE VIVO, COM CERTEZA JA TERIA ESSA SERIA A CAUSA DE SUA MORTE. Sergio......vc vem de um berco de muito boa criaçao. Seus pais, sua familia, vcs filho DE dr Antonio e Dona Daguinha......NAO MERECEM ISSO!

    10 1 Responder

  • rambo | 7 meses atrás

    Vem tranquilo, não afoba não

    1 1 Responder

  • Povo feio | 7 meses atrás

    Isso tá virando e novela mexicana brigando por nada enquanto isso pacientes morrem por falta de equipamentos remédios e funcionários trabalham insatisfeitos pq até hoje não receberam o salário e esses dois tá Nei aí para o paciente e menos ainda para o funcionário desde q o bolso deles tenha dinheiro para gastar bando de ipocritas .esses funcionários devia e fazer greve q aí eles aprende q e importante nessa merda de hospital.????

    3 5 Responder

    Filha de paciente - 7 meses atrás

    Como assim ....brigando por nada.....??????????/ Se deixar esse Muniz limpa o hospital...tira todos os aparelhos, máquinas de hemodiálise que são caríssimas. A justiça devia ter acrescentado na decisão. Que não poderia ser retirado nenhuma aparelho e utensílio do hospital. E mais, colocar vigilância 24 horas, para evitar este tipo de situação. Esse Muniz é um safado.

    9 1

  • Geralda | 7 meses atrás

    Ei ei ei ei ei RUY MUNIZ é nosso rei ....

    3 13 Responder

  • FIQUEM TRANQUILO | 7 meses atrás

    fiquem tranquilo FUNAM está indo embora de vez e não pretende voltar, Ruy não vai recorrer, muitos não querem esse hospital sucateado que não fatura nem o que precisa... Dr. Sérgio pode ficar tranquilo o Hospital vai ficar todinho pra ele... só espero que tenha humanidade de não mandar funcionários embora por corte de gastos, pois muita gnt depende do emprego!!! só espero que o hospital não feche KKKKKKK pq se depender vai se lá saber

    11 2 Responder

  • Pirilampo | 7 meses atrás

    O Sérgio está fazendo tudo errado, agora vai dar o direito dele pra esses canalhas, se cair na pilha deles vai dar bobeira e perder de vez essa briga na justiça. Melhor era ter chamado a política de cara e feito só o boletim de ocorrência, brigar vai transferir o direito dele pra esse povo aí.

    5 0 Responder

carregar mais comentários