Astrônomo aponta proximidade de Marte que pode ser visto a olho nu em Patos de Minas

Os patenses poderão identificar Marte verificando um ponto vermelho-alaranjado de brilho intenso.

publicado em 26/06/2018, por Farley Rocha


Imagem feita por Gilberto de Melo Dumont no dia 15 de junho de 2018.

O astrônomo amador de Patos de Minas, Gilberto de Melo Dumont, chamou a atenção nesta semana para um acontecimento que ocorre a cada 26 meses. Marte já pode ser visto a olho nu nos céus da Capital do Milho e deve chegar a sua maior proximidade no dia 27 de julho. Para observar o Planeta Vermelho, as pessoas devem olhar a leste por volta das 22h00. Os patenses poderão identificar Marte verificando um ponto vermelho-alaranjado de brilho intenso.

O estudioso disse que muitas pessoas pensam ser uma estrela, mas na verdade é o Planeta Marte. Ele explicou que devido à órbita elíptica dos planetas, em um momento, ocorre a máxima aproximação entre eles. No caso da Terra e Marte, isso ocorre a cada 26 meses, sendo a próxima ocorrência no dia 27 do próximo mês.

Gilberto chamou a atenção para este dia que deve ser ainda mais especial. “Esta aproximação se dará no instante do periélio de Marte, que é o momento em que ele estará mais próximo do Sol. Isso proporcionará um aumento aparente maior e consequentemente um brilho mais intenso. O brilho de Marte hoje já é maior que qualquer estrela no céu e brilhará ainda mais quando atingir sua maior aproximação da Terra neste período”, explicou.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Rota Pop

No entanto, a distância entre a Terra e Marte neste dia será de 57,7 milhões de quilômetros, não sendo a maior já verificada.  De acordo com Gilberto, em 27 de agosto de 2003, houve uma aproximação ainda maior entre os dois planetas, quando a distância mínima entre eles foi de apenas 56 milhões de km, sendo a maior aproximação desde o Homem de Neandertal, há 60 mil anos. “Uma aproximação como essa só ocorrerá novamente em 2287”, disse.

O pesquisador também falou sobre os equipamentos disponíveis na atualidade para verificar este tipo de fenômeno. “Atualmente softwares nos permitem calcular com grande precisão estas efemérides. Como já é visível a olho nu, sua coloração vermelho-alaranjada será intensificada por pequenas lunetas ou binóculos. Já telescópios com aberturas acima de 150 mm poderão notar alguns detalhes da superfície marciana, como as calotas polares já observadas no registro fotográfico ao lado, feito no último dia 15 de Junho com um telescópio Newtoniano de 200mm aqui em Patos de Minas”, informou.

Segundo Gilberto, a nuvem branca na parte inferior de Marte trata-se de uma calota polar composta de gelo seco (dióxido de carbono) e não de água como ocorre na Terra. “Sua coloração avermelhada vem da oxidação do minério de ferro outrora presente, fato corroborado pela diminuição da densidade do planeta, que é torno de 3,9 g/cm³, enquanto os outros planetas rochosos giram em torno de 5,3 g/cm³”, explicou.

Fotos registradas pelo astrônomo vão ajudar a facilitar a identificação do planeta, alvo de estudo dos centros mais tecnológicos do mundo. A ilustração feita pelo estudioso mostra a proporção do aumento do tamanho aparente observado nos últimos anos por telescópios utilizando-se de técnicas de astrofotografia. “Embora o aumento do tamanho aparente proporcione o favorecimento de fotografias tiradas por astrônomos amadores através de telescópios, a olho nu o planeta se apresentará como um ponto com brilho intenso e de coloração vermelho-alaranjado”, disse.

O astrônomo explicou como os patenses poderão identificar Marte. Ele nasce no horizonte Leste por volta das 20h30min em Patos de Minas. Por volta das 22h00, acima do horizonte a Leste, é possível identificá-lo facilmente pela coloração característica e sem a obstrução de casas ou árvores. “Durante todo o mês de Julho será possível a observação do planeta que cruzará o céu durante toda a noite. No dia 27 de Julho, Marte  atingirá sua máxima aproximação terrestre e seu periélio, proporcionando um brilho intenso e uma grande oportunidade para fotografá-lo”, informou.

Imagem de Marte vista de Patos de Minas.
Autor: Farley Rocha Postado em 26/06/2018
Compartilhe:

22 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • miguel | 1 ano, 4 meses atrás

    afirmando o fim dos tempos

    0 0 Responder

  • Iara | 1 ano, 5 meses atrás

    Encantada por poder contemplar a criação tão linda. Durante esses dias vi aquele lindo brilho laranja no céu ao Leste mas pensava que era uma Estrela. Hoje resolvi pesquisar e desconbrir que é o planeta Marte .

    0 0 Responder

  • Ederly B. Macedo | 1 ano, 5 meses atrás

    Há dias venho observando no céu um astro avermelhado. Diferente dos outros. Desconfiei ser Marte, pois estou observando a olho nu. Agora a constatação. Moro no Rio de Janeiro. Sou grata pelo conhecimento.

    0 0 Responder

  • Professor Luís André Lima | 1 ano, 5 meses atrás

    Parabéns Gilberto pelo belo trabalho que você tem realizado na divulgação da Astronomia. É Patos de Minas em destaque no pioneirismo regional em estudo e pesquisa do Cosmos. Parabéns também pelo seu blog (http://observatoriodumont.blogspot.com/). Vale a pena dar uma conferida....

    4 0 Responder

  • Cícero Rodrigues | 1 ano, 5 meses atrás

    Se alguém quiser mim enviar para Marte! com passagem só de ida, eu estou disponível

    4 0 Responder

    dindão - 1 ano, 5 meses atrás

    Problema é saber se marte precisa de esterco..

    3 1

  • JOSÉ CALIMERIO | 1 ano, 5 meses atrás

    E o JOSÉ CALIMERIO , heim? Vocês nao vão falar dele? Ele esta se destacando muito na astronomia, como se destacou na fenamilho, ele é muito bom com essa coisa de planeta. JOSÉ CALIMERIO, é um nome a ser comentado. Ele gosta de astronomia. :alien: :alien: :alien:

    1 0 Responder

  • Pirilampo | 1 ano, 5 meses atrás

    Continua um pontinho vermelho quase igual de outros dias... mudou nada...

    1 0 Responder

  • loiro burro. | 1 ano, 5 meses atrás

    se essa Marta for bonita, deixa vir.

    2 3 Responder

    dindão - 1 ano, 5 meses atrás

    Isso mesmo, deixa a Marta bonita vir. Se for muito feia, deixa ir pra Lagoa Formosa.

    2 0

  • Hugo Flores | 1 ano, 5 meses atrás

    Incrível, fantástico, eu deveria ter estudado sobre astronomia, fico encantado com com o planeta, com a criação de nosso Pai. Muito lindo esse planeta infinito, eu acabo sonhando acordado como se fosse criança novamente estivesse voando no espaço...

    6 2 Responder

    Funga - 1 ano, 5 meses atrás

    Nossa!! Quanta empolgação!! Se segura senhor Flores, tenha certeza se quer mesmo deixar o armário.

    1 5

  • Leandro | 1 ano, 5 meses atrás

    Obrigado pela contribuição da divulgação cientifica Gilberto!

    8 0 Responder

carregar mais comentários