Após 43 anos, ex-atiradores do Tiro de Guerra 04013 voltam a se encontrar em Patos de Minas

Eles relembraram a época em que serviram no TG04013.

publicado em 10/03/2019, por Maurício Rocha


Os ex-atiradores se reuniram no Clube da Copasa.

O Serviço Militar é obrigatório no Brasil para todo jovem do sexo masculino. O tempo de convivência dentro dos quartéis proporciona amizades que são levadas para a vida toda. É o caso dos ex-atiradores do TG 04013 de Patos de Minas da turma do segundo semestre de 1976.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

Após 43 anos da prestação do Serviço Militar, os ex-atiradores voltaram a se reunir em Patos de Minas. O encontro festivo aconteceu nesse sábado (09) no Clube da Copasa. Pelo menos 18 atiradores daquela época passaram o dia relembrando momentos vividos no cumprimento do serviço militar.

Os organizadores Cardoso, Ribeiro e Santana, comemoraram o resultado do 1° encontro de ex-atiradores da turma de 1976. Eles já preparam um segundo encontro para o ano que vem e esperam encontrar outros atiradores que passaram pelo Tiro de Guerra naquela época.

Participaram do encontro os ex-atiradores:

Alaor

Américo

Balbino

Braz

Bispo

César

Cardoso

Caixeta

Carvalho

Hermes

João Mota

Marcos

Nilson

Ronaldo

Santana

Marcos

Valdemar

Vicente

Imagens atualizado em 10/03/2019 • 3 fotos

Autor: Maurício Rocha Postado em 10/03/2019
Compartilhe:

31 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Joao alves | 8 meses atrás

    Caramba que bacana,fiz parte dessa turma,hoje moro em Brasíla mas se DEUS permitir estarei ai no próximo encontro.O cruzeiro foi campeão da libertadores neste ano,aí o carvalho e cia encheram a cara até a hora de se apresentar,sgt Iris deu surra neles daquelas pra nunca mais esquecer.Alves 46.

    3 10 Responder

  • J. Maria | 8 meses atrás

    Fui dessa turma , graças a Deus não fui nessa confraternização, pior época da minha vida foram os meses que fui obrigado a ser humilhado por dois sargentos que se achavam mais homens e mais inteligentes que todo mundo, alguns filhinhos de papai métodos a besta que se achavam muito importantes, pra mim tiro de guerra é um atraso de vida.

    16 7 Responder

    Soldado 04013 - 8 meses atrás

    Larga de ser fresco homem...

    1 1

  • Banga in memorian | 8 meses atrás

    O Audieres do segundo semestre de 1995 não perdoava nenhum boiola que ia lá. Pegava todos e o Banga que Deus o tenha, era o preferido dele. kkkkkkkkkkkkkkkkk

    3 0 Responder

  • Joao alves | 8 meses atrás

    Caramba que bacana,fiz parte dessa turma,hoje moro em Brasíla mas se DEUS permitir estarei ai no próximo encontro.O cruzeiro foi campeão da libertadores neste ano,aí o carvalho e cia encheram a cara até a hora de se apresentar,sgt Iris deu surra neles daquelas pra nunca mais esquecer.

    3 16 Responder

  • Doutrinação Pura | 8 meses atrás

    Esse negócio de tiro de guerra é pura doutrinação militar sem sentido. Você é humilhado por um instrutor doutrinado nas ideologias de segurança nacional etc etc etc. Mas tem gente que gosta de ser humilhado, infelizmente.

    8 8 Responder

  • Turma 1 semestre de 1994 | 8 meses atrás

    Sou da turma do primeiro semestre de 1994, quando iniciou-se o plano real. Lembro do "Bob auau". Lembro também do Valério do 5 pelotão. Os sargentos eram o Fernandes, com um tal de "senta e levanta"...o sargento Edilson e o sargento Nascimento.

    3 1 Responder

  • Patrulheiro | 8 meses atrás

    Bom de mais, parabéns aos atiradores. Para os críticos de plantão tem países que até as mulheres têm que se alistar, em outros o serviço é de dois anos. Com dezoito tá na hora mesmo de aprender a ter hierarquia e disciplina e respeito pela pátria

    10 5 Responder

  • 2º PELOTÃO 1991 | 8 meses atrás

    Sou da segunda turma de 1991, ultimo ano do subtenente Tadeu, Sargento João Carlos e Subtenente Mozart. Época boa, lembro-me bem do Sargento João Carlos (Jota), como ele gostava do bar do cochila. E aquele vestiário, kkkk tirava guarda e pernoite. kkkk. Bons tempos, na época foi muito puxado, porquê eu trabalhava e estudava, mas aprendi muito, não fiquei revoltado, estou vivo e com saúde graças a Deus, aprendi novos valores e a ter senso de patriotismo, graças a Deus não sou desta geração mimizenta e acéfala de hoje, que não sabe abrir uma lata de azeitona e que pensa que na NASA só tem Nazista!, bando de nuttelas, kkkk. PELOTÃO SENTIDO!!! :cop:

    9 3 Responder

    Sou da [email protected] turma de 1976....saudades de vcs soldados...próximo encontro..me chamem....CB-Paulo...???? - 1 mês, 3 semanas atrás

    Sou da [email protected] Turma de 1976....saudades soldados....CB-Paulo...????

    0 0

  • Aldemar Pamparini | 8 meses atrás

    Grande maioria aí torce para o Galo! Galão dá a Massa! Caixa! Caixa! Caixa!

    8 4 Responder

  • Sgt Magalhães -instrutor TG | 8 meses atrás

    Bom dia, excelente iniciativa, o TG 04-013, compactua com o Srs a iniciativa, e os convida a estarem no TG

    8 3 Responder

carregar mais comentários